BÍBLIA CATÓLICA ONLINE

      Dicionário | AVISOS | Reiniciar  ||  Início  ->  Bíblia  


Bíblia Online
   
Livro:
Capítulo:

Pesquisar na Bíblia:

<- no máximo

Publique a bíblia acima
em seu blog ou site!



Pesquisa da bíblia

SAPIENCIAL: Livro da Sabedoria (Sb), capítulo 2 |
1Dizem entre si, em seus falsos raciocínios: “Curto é o tempo de nossa vida e cheio de tédio, e não há alívio quando chega o fim. Aliás, não se conhece ninguém que tenha voltado do mundo dos mortos.
2De repente nascemos, e logo passaremos, como quem não existiu. Fumaça é a respiração em nossas narinas e o pensamento, uma centelha ao pulsar do coração:
3quando ela se apaga, nosso corpo se tornará cinza e o espírito se dispersará como o ar inconsistente.
4Com o tempo, nosso nome cairá no esquecimento e ninguém se lembrará de nossas obras; nossa vida passará como os traços de uma nuvem, e se dissipará como a neblina expulsa pelos raios do sol, abatida por seu calor.
5Nossa vida é a passagem de uma sombra e nosso fim, irreversível: uma vez lacrada a porta, ninguém volta.
6Agora, portanto, gozemos dos bens presentes, e aproveitemos das criaturas com ânsia juvenil.
7Embriaguemos-nos com o melhor vinho e com perfumes, e não deixemos passar a flor da primavera.
8Coroemos-nos com botões de rosas, antes que murchem,
9e nenhum prado fique sem provar da nossa orgia. Deixemos por toda parte sinais de alegria, pois esta é a nossa parte, esta, a nossa sorte.
10Oprimamos o justo pobre e não poupemos a viúva, nem respeitemos os cabelos brancos do ancião.
11Que a nossa força seja a lei da justiça, pois o que é fraco é reconhecidamente inútil.
12PERSEGUIÇÃO DO JUSTO, ENGANO DOS ÍMPIOS
Armemos ciladas ao justo, pois nos estorva: ele se opõe ao nosso modo de agir, repreende em nós as transgressões da Lei e nos difama por pecarmos contra a nossa tradição.
13Ele declara possuir o conhecimento de Deus e a si mesmo se chama de ‘filho de Deus’.
14Tornou-se uma censura para os nossos pensamentos e simplesmente vê-lo já é insuportável;
15sua vida é muito diferente da dos outros, e seus caminhos vão em outra direção.
16Somos por ele comparados à moeda falsa, ele foge de nossos caminhos como de impurezas; proclama feliz a sorte final dos justos e gloria-se de ter a Deus por Pai.
17Vejamos, pois, se é verdade o que ele diz, e comprovemos o que vai acontecer com ele.
18Se, de fato, é ‘filho de Deus’, Deus o defenderá e o livrará das mãos de seus inimigos.
19Vamos pô-lo à prova com ofensas e torturas para ver a sua serenidade e provar sua paciência.
20Condenemo-lo a morte vergonhosa, porque, de acordo com as suas palavras, virá alguém em seu socorro!”
21Tais são os pensamentos dos ímpios. Mas eles se enganam, pois a malícia os torna cegos:
22eles não conhecem os segredos de Deus, não esperam recompensa para a vida santa e não dão valor à honra das almas puras.
23Ora, Deus criou o ser humano incorruptível e o fez à imagem de Sua própria natureza:
24foi por inveja do diabo que a morte entrou no mundo, e experimentam-na os que são do seu partido.

PESQUISAR
 


Bíblia Católica Online