Reiniciar pesquisa | Documentos | Igreja Católica | AVISOS    ||    ->  
Catecismo Católico completo do Vaticano

Pesquisar no catecismo:    Máx: itens
  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       I. A Justificação

7.94 [1989] A primeira obra da graça do Espírito Santo é a conversão, que opera a justificação, segundo a mensagem de Jesus no princípio do Evangelho: « Convertei-vos, que está perto o Reino dos céus » (Mt 4,17). Sob a moção da graça, o homem volta-se para Deus e desvia-se do pecado, acolhendo assim o perdão e a justiça do Alto. « A justificação comporta, portanto, a remissão dos pecados, a santificação e a renovação do homem interior » (45)

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       I. A Justificação

7.08 [1987] ARTIGO 2 - GRAÇA E JUSTIFICAÇÃO

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       I. A Justificação

6.63 [1994] A justificação é a obra mais excelente do amor de Deus manifestado em Cristo Jesus e concedido pelo Espírito Santo. Santo Agostinho pensa que « a justificação do ímpio é obra maior que a criação do céu e da terra »; porque « o céu e a terra passarão, ao passo que a justificação e a salvação dos eleitos permanecerão » (48)

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       Ii. A Graça

6.29 [1996] A nossa justificação vem da graça de Deus. A graça é o favor, o socorro gratuito que Deus nos dá, a fim de respondermos ao seu chamamento para nos tornarmos filhos de Deus (50) filhos adoptivos (51) participantes da natureza divina (52) e da vida eterna (53)

  Catecismo Da Igreja Católica
   Segunda Parte - A Celebração Do Mistério Cristão
    Segunda Seção - Os Sete Sacramentos Da Igreja
     Capítulo Segundo - Os Sacramentos De Cura
      Artigo 4 - O Sacramento Da PenitÊncia E Da Reconciliação
       Vi. O Sacramento Da Penitência E Da Reconciliação
        O Sacramento Do Perdão

6.03 [1446] Cristo instituiu o sacramento da Penitência para todos os membros pecadores da sua Igreja, antes de mais para aqueles que, depois do batismo, caíram em pecado grave e assim perderam a graça baptismal e feriram a comunhão eclesial. É a eles que o sacramento da Penitência oferece uma nova possibilidade de se converterem e de reencontrarem a graça da justificação. Os Padres da Igreja apresentam este sacramento como « a segunda tábua (de salvação), depois do naufrágio que é a perda da graça » (40)

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       I. A Justificação

5.93 [1991] A justificação é, ao mesmo tempo, acolhimento da justiça de Deus pela fé em Jesus Cristo. Justiça designa, aqui, a rectidão do amor divino. Com a justificação, são difundidas nos nossos corações a fé, a esperança e a caridade, e é-nos concedida a obediência à vontade divina.

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       Resumo

5.90 [2018] A justificação, tal como a conversão, apresenta duas faces. Sob a moção da graça, o homem volta-se para Deus e desvia-se do pecado, recebendo assim o perdão e a justiça do Alto.

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       I. A Justificação

5.80 [1990] A justificação desliga o homem do pecado, que está em contradição com o amor de Deus, e purifica-lhe o coração. A justificação continua a iniciativa da misericórdia de Deus, que oferece o perdão; reconcilia o homem com Deus; liberta-o da escravidão do pecado e cura-o.

  Catecismo Da Igreja Católica
   Terceira Parte - A Vida Em Cristo
    Primeira Seção - A Vocação Do Homem: A Vida No Espírito
     Capítulo Terceiro - A Salvação De Deus: A Lei E A Graça
      Artigo 2 - Graça E Justificação
       Iii. O Mérito

5.64 [2010] Uma vez que, na ordem da graça, a iniciativa pertence a Deus, ninguém pode merecer a graça primeira, que está na origem da conversão, do perdão e da justificação. Sob a moção do Espírito Santo e da caridade, podemos, depois, merecer para nós mesmos e para outros, as graças úteis para a santificação e para o aumento da graça e da caridade, bem como para a obtenção da vida eterna. Os próprios bens temporais, tais como a saúde e a amizade, podem ser merecidos segundo a sabedoria de Deus. Estas graças e estes bens são objecto da oração cristã. Esta provê à nossa necessidade da graça para as ações meritórias.

  Catecismo Da Igreja Católica
   Segunda Parte - A Celebração Do Mistério Cristão
    Segunda Seção - Os Sete Sacramentos Da Igreja
     Capítulo Primeiro - Os Sacramentos Da Iniciação Cristã
      Artigo 1 - O Sacramento Do Batismo
       Vii. A Graça Do Batismo
        « Uma Nova Criatura »

5.51 [1266] A Santíssima Trindade confere ao baptizado a graça santificante, a graça da justificação, que - o torna capaz de crer em Deus, esperar n'Ele e O amar, pelas virtudes teologais; - lhe dá o poder de viver e agir sob a moção do Espírito Santo e pelos dons do Espírito Santo; - lhe permite crescer no bem, pelas virtudes morais. Assim, todo o organismo da vida sobrenatural do cristão tem a sua raiz no santo batismo.


Vaticano A Igreja, que é "a coluna e sustentáculo da verdade" (1Tm 3,15), guarda fielmente a fé uma vez por todas confiada aos santos (Cf. Jd 1,3). É ela que conserva a memória das Palavras de Cristo, é ela que transmite de geração em geração a confissão de fé dos apóstolos. Como uma mãe que ensina seus filhos a falar e, com isso, a compreender e a comunicar, a Igreja, nossa Mãe, nos ensina a linguagem da fé para introduzir-nos na compreensão e na vida da fé. (Catecismo da Igreja Católica)

Ver artigo A Igreja e a Bíblia do Pe. Arnold Damen.



Ver todas as aulas de catecismo do padre Paulo Ricardo.

Ver aulas de catecismo do prof. Carlos Ramalhete.


Download do catecismo completo de 1992 da Igreja Católica em PDF.
Download do compêndio do catecismo de 1992 em PDF com perguntas e respostas.
Download do catecismo ilustrado de 1910 em PDF.

João Paulo II
Fidei Depositum

Os Dez Mandamentos
Os 10 mandamentos da Igreja Católica

Credo Católico
Credo da Igreja Católica

Compêndio do catecismo externo e interno

A Hierarquia dos Anjos
segundo Dionísio e São Tomás de Aquino.

Didaqué, um catecismo do século I, a instrução dos 12 apóstolos.

Ver também catecismo e Igreja Católica na Wikipédia.

Ver artigo de Dom Estêvão Bettencourt: "O Catecismo da Igreja Católica".

Ver catecismo completo de 1992 no navegador (versão html).


Palavras-chave para pesquisa no catecismo:

aborto
adultério
amor de Deus
anjos
apocalipse
batismo
blasfêmia
castidade
corpo de cristo
demônio
embrião
espírito santo
filho de Deus
graça de Deus
graça e justificação
idolatria
impureza
intercessão dos santos
juizo final
mal e sofrimento
nova aliança
oração
pai nosso
palavra de Deus
pecado original
pena de morte
pessoa humana
prostituição
purgatório
reino de Deus
ressurreição
santidade
santíssima trindade
vida cristã
vida eterna
virgem maria
Imagem de Maria Santíssima PESQUISAR NOS ARTIGOS
Expressões mais frequentes encontradas no catecismo da Igreja.
"Estudando o 'Catecismo da Igreja Católica', pode-se captar a maravilhosa unidade do mistério de Deus, do seu desígnio de salvação, bem como a centralidade de Jesus Cristo, o Filho Unigênito de Deus, enviado pelo Pai, feito homem no seio da Santíssima Virgem Maria por obra do Espírito Santo, para ser o nosso Salvador.
Morto e ressuscitado, Ele está sempre presente na sua Igreja, particularmente nos sacramentos; ele é a fonte da fé, o modelo do agir cristão e o Mestre da nossa oração."
  PESQUISAR NA BÍBLIA ....
 
Veja como publicar as caixas acima em seu blog ou site
O paradoxo do mal e o silêncio de Deus, como explicar o mistério da iniquidade?
Ver também A Humilhação da Mulher Cananeia (29)
Doações são bem-vindas para manter e promover o site.

-= Grupo Católicos Online no Face =-
-= Cristãos Online no Face =-
Assine RSS Católicos Online

Agradeçamos a Deus de quem procede toda boa dádiva; queira Ele abençoar todo o trabalho realizado visando tão somente a sua glória.

Quando uma mãe pode matar seu próprio bebê, o que resta da civilização para ser salvo? [Madre Tereza de Calcutá (1910-1997)]

1Cor 11,27: "Portanto, todo aquele que comer o pão ou beber o cálice do Senhor indignamente será culpável do corpo e do sangue do Senhor."

Ora, como alguém pode comer sua própria condenação, se fosse apenas pão?

S. Paulo é taxativo:

1Cor 11,29: "Aquele que o come e o bebe sem distinguir o corpo do Senhor, come e bebe a sua própria condenação."

Só Vós, Senhor!


< center>

Catecismo Católico