30 personagens ilustres do século XX que se converteram ao catolicismo

Por Prof. Felipe Aquino

Da esquerda para a direita: Sir Alec Guinness, Marshall McLuhan, Cardeal Francis Arinze, Gary Cooper, Tony Blair, Edith Stein / Crédito: Wikimedia Commons

Segundo o ACI (24/04/2017), a Igreja Universal acolhe milhares de novos católicos na Vigília Pascal, inclusive, entre essas pessoas há estrelas de cinema, poetas, romancistas, músicos, filósofos, cientistas ou rainhas convictos da sua conversão.

Algumas pessoas chegam à igreja depois de muitos anos de luta pessoal ou talvez no final das suas vidas. Enquanto outros são chamados à conversão pelos exemplos dos santos, sacerdotes, religiosos ou leigos que dão testemunho de Cristo.

No final, chegam à mesma conclusão que outro famoso convertido, o Beato Cardeal John Henry Newman: “Em relação ao cristianismo, 10 mil dificuldades não fazem duvidar”.

A seguir, alguns personagens convertidos mais notáveis do século passado:

1. Sir Alec Guinness (1914-2000)

Ator britânico de cinema, teatro e televisão que ganhou o Oscar de “Melhor Ator” em 1957 pelo filme ‘A Ponte do Rio Kwai’. Seu personagem mais conhecido é Obi-Wan Kenobi na saga original de Star Wars.

2. Scott Hahn (1957)

Teólogo bíblico, apologista e prolífico escritor e orador. Sua esposa, Kimberly, também se converteu.

3. Tony Blair (1953)

Líder do Partido Trabalhista britânico e o seu primeiro-ministro de 1997 a 2007, foi o primeiro-ministro mais jovem desde 1812. A sua esposa, Cherie, também é católica.

4. John Wayne (1907-1979)

Ator premiado pela Academia, querido pelos seus papéis em westerns e filmes de guerra.

5. Norma McCorvey (1947-2017)

A requerente no infame processo de 1973, Roe v. Wade, que legalizou o aborto nos Estados Unidos, e que mais tarde se tornou pró-vida.

6. Gary Cooper (1901-1961)

Ator americano que ganhou três prêmios da Academia, incluindo “Melhor Ator” por Sargento York e High Noon. Teve um encontro com o Papa Pio XII em 1953 e entrou formalmente para a Igreja em 1959.

7. Marshall McLuhan (1911-1980)

Professor canadense, filósofo e teórico dos meios de comunicação mais conhecido por cunhar a expressão “o meio é a mensagem” e “aldeia global”.

8. Thomas Merton (1915-1968)

Monge e sacerdote trapista norte-americano. Também foi poeta, ativista social e um dos mais famosos e controversos católicos do século XX.

9. Graham Greene (1904-1991)

Escritor britânico mais conhecido nos círculos católicos pelos seus romances Brighton Rock, O Poder e a Glória, O Coração da Matéria e Fim do Caso.

10. Vittorio Messori (1941)

Jornalista italiano mais conhecido pelas suas longas entrevistas “O relatório Ratzinger: Uma entrevista exclusiva sobre o Estado da Igreja” (1985) e “Cruzando o Limiar da Esperança pelo Papa João Paulo II” (1994).

11. Sigrid Undset (1882-1949)

Romancista norueguesa que foi condecorada com o Prêmio Nobel de Literatura em 1928.

12. Santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein) (1891-1942)

Filósofa judia-alemã e freira Carmelita Descalça que morreu em Auschwitz. Foi canonizada por São João Paulo II em 1998.

13. Dietrich von Hildebrand (1889-1977)

Filósofo e teólogo alemão honrado por numerosos Papas por suas imensas contribuições ao pensamento católico.

14. Cardeal Francis Arinze (1932)

Nigeriano convertido que foi batizado aos 9 anos pelo Beato Cipriano Tansi. Tornou-se o Bispo mais jovem do mundo aos 32 anos e mais tarde foi nomeado Cardeal e Prefeito da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos.

15. Cardeal Avery Dulles (1918-2008)

Jesuíta norte-americano, teólogo e cardeal. Filho do ex-secretário de Estado John Foster Dulles.

16. Cardeal Jean-Marie Lustiger (1926-2007)

Arcebispo de Paris de 1981 a 2005, Cardeal desde 1983 e promotor do diálogo católico-judaico. Converteu-se do judaísmo.

17. Louis Bouyer (1913-2004)

Teólogo francês e um dos membros fundadores da Comissão Teológica Internacional e da revisão teológica internacional Communio.

18. Francis Beckwith (1960)

Filósofo e teólogo, eleito presidente da Sociedade Teológica Evangélica, mas se converteu ao catolicismo em 2007.

19. Robert Bork (1927-2012)

Juiz e jurista conservador norte-americano, mais conhecido pela luta política que bloqueou a sua nomeação à Supremo Corte dos Estados Unidos em 1987. Ele e a sua esposa se converteram ao catolicismo em 2003.

20. Dorothy Day (1897-1980)

Escritora, ativista social e cofundadora do movimento dos Trabalhadores Católicos com Peter Maurin. Seu processo de canonização foi aberto em Nova York em 2000.

21. Newt Gingrich (1943)

Presidente da Câmara de representantes dos Estados Unidos de 1995 a 1999, assim como escritor, candidato presidencial e historiador.

22. Elisabeth Hesselblad (1870-1957)

Sueca convertida do luteranismo e fundadora das irmãs Bridgettine. Foi canonizada pelo Papa Francisco em 2015.

23. Katharine, Duquesa de Kent (1933)

Esposa do príncipe Eduardo, duque de Kent (um dos netos do rei Jorge V e da rainha Maria e primo da rainha Elizabeth II), o primeiro membro da família real a se converter desde 1701.

24. Russell Kirk (1918-1994)

Teórico político norte-americano e um dos personagens mais influentes do movimento conservador dos Estados Unidos.

25. Clare Boothe Luce (1903-1987)

A primeira mulher norte-americana nomeada para um importante cargo de embaixador no exterior, membro da Câmara de Representantes dos Estados Unidos de 1943 a 1947, escritora e dramaturga.

26. Jacques Maritain (1882-1973)

Filósofo francês, autor de mais de 60 livros e um dos personagens-chave no renascimento do tomismo nos tempos modernos. Ele e a sua esposa, Raissa, se converteram ao catolicismo em 1906.

27. Patricia Neal (1926-2010)

Atriz vencedora dos prêmios da Academia pelo seu papel em Hud (1963). Converteu-se ao catolicismo, alguns meses antes da sua morte.

28. Richard John Neuhaus (1936-2009)

Foi pastor luterano, escritor, teólogo, fundador e editor da revista First Things.

29. Adrienne von Speyr (1902-1967)

Médico suíço, escritor espiritual e místico, autor de mais de 60 livros sobre espiritualidade e teologia.

30. Israel Zolli (1881-1956)

Estudioso judeu italiano e rabino chefe em Roma de 1940 a 1945. Amigo do Papa Pio XII, converteu-se do judaísmo ao catolicismo em 1945.

Fonte: AciDigital


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
4 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)