SACRAMENTOS (6026)'
     ||  Início  ->  
Artigo

Pregações: Sacramentos - Casamento em igreja protestante é válido? - por Padre Paulo Ricardo

(áudio)

Casamento em igreja protestante é válido?

Um católico pode se casar numa igreja protestante? O casamento de fiéis que sempre foram protestantes é considerado válido pelos católicos?
Padre Paulo apresenta a resposta para uma questão que inquieta o coração de muitos fiéis.

Depende... de quem está se casando lá.
Se nenhum dos dois nunca foi católico, o casamento é válido.
Mas se pelo menos um for católico (ou tiver sido), só com dispensa especial do bispo.

Vejamos por que...
Durante 16 séculos os fiéis apenas decidiam se casar, anunciavam publicamente e isso já era considerado sacramento, nem precisava de sacerdote.
Depois, já casados, iam até a Igreja para receber uma bênção do sacerdote que se dirigia de forma especial à mulher, pois era ela que devia correr todos os riscos da gravidez.
Ainda hoje, no ritual do matrimônio, a bênção nupcial é dirigida principalmente à mulher.

Claro que isso começou a criar confusão, com homens que tinham diversas esposas em cidades diferentes...
Então, no séc. 16, usando o "poder das chaves" dado a S. Pedro, foi decidido que um casamento entre dois católicos só seria válido diante de um padre com jurisdição.
E isso é assim até hoje.

Assim, se um católico casar numa igreja protestante, não vale nada.
Mas se dois protestantes que nunca foram católicos forem ao cartório e casarem, vale. Para a Igreja, estão casados.
Alguém que "foi" católico, é considerado sempre católico e qualquer casamento fora da Igreja não vale.
Assim, se alguém tiver sido batizado na Igreja (Católica), é considerado católico para sempre e nenhum casamento fora da Igreja é tido como válido, a menos que receba uma dispensa especial do bispo chamada "dispensa de forma canônica".

Para a Igreja, toda manifestação pública de dois que nunca foram católicos e casam no cartório ou numa igreja não católica, é sacramento.
Se um dos dois já foi católico, tem que casar na Igreja na frente de um padre ou então receber uma dispensa especial.

Fonte: site Christo Nihil Praeponere

Católicos Online - Bíblia Católica - Catecismo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
4 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)