APARIçõES (973)'
     ||  Início  ->  
Artigo

GARABANDAL - CHAMADA AO ARREPENDIMENTO

Padre Eusébio Garcia de Pesquera)

 

Alguns conselhos maternos da Santíssima Virgem:

- "Você deve evitar a ira do Bom Deus"
- "Eu quero pedir para mudarem as suas vidas"
- "Vocês devem se sacrificar mais"
- "Pensai na Paixão de Jesus"

Nós provocamos a ira de Deus sobre nós por nossa própria rebeldia, nossa própria desobediência, a nossa própria auto vontade (nosso ego). Todo o mal consiste em tentar seguir os nossos próprios caminhos, em vez de procurar os caminhos de Deus.

Nossos caminhos são muito fáceis de seguir, basta deixar-nos levar. Mas os nossos são formas de pecado e não só o pecado do mundo que tantos novos livros (e a mídia em geral) agora propõe, e eles nos levam à destruição. 
Por outro lado, os caminhos de Deus, por vezes, podem ser muito difíceis! Mas são os caminhos do triunfo e da salvação, eles só podem ser trilhados pelo esforço e sacrifício: duas coisas que a nossa natureza enfraquecida abomina.

No mundo, a humanidade segue a tendência de servir a carne, inclina-se para facilitar e não para combater, ao prazer e não para o serviço, ao lazer e não para o trabalho, para a boa vida e não a vida boa. Esta maneira de viver se espalhou até por toda à Igreja e está a infligir ferimentos mortais.

Os pseudoprofetas (falsos videntes - Obs: Muitos notamos através dos seus seguidores mais próximos que tem a característica atual de serem contra o Papa Francisco, são cismáticos disfarçados), outros tendo ainda nuances distorcidas sobre a conversão e libertação. São tentativas de desacreditar o caminho verdadeiro, ascético e penitencial da vida, como se o ascetismo não era um sinal evangélico. A espiritualidade monástica tornou-se indigna de estima. Auto sacrifício? Abnegação? Auto renúncia? Que absurdo! Nem o clero, nem os leigos querem nada disso. Anti-ascetismo é a ordem do dia.

Mas, para quem Jesus disse: "Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz?" (Mt 16,24). Certamente este não é para aqueles que nunca mencionam ir à Ele, sem falar sobre a autodeterminação, auto realização, autopromoção. . .

Assim, muitas coisas se explicam. Como uma pessoa desta poderia aceitar a mensagem do dia 18 de junho (a primeira mundial da Santíssima Virgem em Garabandal), que insistentemente pede coisas que eles (humanidade) próprios estão tentando a todo o custo não renunciar? "Vocês devem se sacrificar mais...Pensai na Paixão de Jesus..."

A Paixão de Jesus! Eles não estão interessados nisso. Eles só estão interessados em falar de coisas mais ao gosto (as modas) do homem de hoje. Para eles, as únicas coisas que importam são as ações e palavras favoráveis para sua auto expressão e estilo de vida, o que está muito longe do que fez Jesus que se fez obediente até a morte e a morte de cruz! Entrai pela porta estreita. Porque larga é a porta e espaçoso o caminho que conduz à perdição e muitos são os que entram assim. Como pequena a porta e apertado o caminho que leva à salvação! E poucos são os que a encontram. (Mateus 7: 13-14.)

* Trecho da Obra: "Subiu depressa à Montanha - As Aparições de Garabandal", do Padre Eusébio Garcia de Pesquera, Requião, Edições Boa Nova, em Portugal.

 


Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 0
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)