DOUTRINA (1965)'
     ||  Início  ->  
Artigo

(áudio)

No fim, não serão todos salvos ?

Se Deus é infinitamente misericordioso, independente dos nossos pecados, no fim não serão todos salvos?

A Igreja prega a respeito do inferno, mas a existência do inferno não é porque Deus não é bom. O inferno não foi criado por Deus, mas é uma "invenção" do demônio.
O diabo, através da sua liberdade, criou um estado de afastamento e rejeição de Deus, que é o inferno.
Onde estiver o demônio, ali é o inferno dele. Ele carrega consigo sua própria desgraça e miséria.
Os seres humanos podem ser seduzidos e têm liberdade para adotar essa mesma atitude de rejeição de Deus.

E quem vai para o inferno?
Vejamos o catecismo sobre o inferno (1033-1037).
As pessoas vão para o inferno quando morrem em um estado de pecado mortal.
O que é isso?
O pecado mortal (1871) é uma possibilidade radical da liberade humana como o próprio amor. Acarreta a perda da caridade e a privação da graça santificante. Se esse estado não for recuperado mediante o arrependimento, causa a exclusão do Reino de Cristo e a morte eterna no inferno.
A nossa liberdade tem o poder de fazer opções e se fechar para sempre, sem regresso.

Como saber se o que faço é um pecado mortal?
Novamente o catecismo... há pecado relativo a matéria grave que pode ser mortal.
Sabemos que existem faltas graves, sabemos que existem pecados mortais, mas não podemos julgar se com a falta grave a pessoa realmente cortou seu relacionamento com Deus. Esse é um julgamento de Deus.

Dicas sobre o inferno.
Jesus atesta claramente a existência do inferno diversas vezes.
A tradição da Igreja atesta a existência do inferno e sua eternidade. As almas dos que morrem em pecado mortal vão diretamente para o inferno, para o fogo eterno. A pena principal no inferno é a separação de Deus.

Perder o Amor eterno, rejeitado, leva a pessoa a um estado de fogo eterno.

Deus NÃO QUER que alguém se perca, mas que todos venham a se converter.
O inferno existe por causa de nossa liberdade que nos permite rejeitar Deus.
Deus não criou o inferno, foi a liberdade do diabo.
E nós temos a liberdade de escolher.

Fonte: site Christo Nihil Praeponere

Revista Católicos Online - Bíblia Católica - Catecismo
Como você se sente ao ler este artigo?
Feliz Informado Inspirado Triste Mal-humorado Bizarro Ri muito Resultado
6 1
PUBLICAR - COMENTAR - EMAIL -  FACEBOOK 

:-)