||  Início  ->  Revista Pergunte e Responderemos

NÚMERO

-008 Março 1957 (11)
-007 Junho 1957 (8)
-006 Julho 1957 (12)
-005 Agosto 1957 (7)
-004 Setembro 1957 (9)
-003 Outubro 1957 (10)
-002 Novembro 1957 (15)
-001 Dezembro 1957 (12)
001 Janeiro 1958 (11)
002 Fevereiro 1958 (11)
003 Março 1958 (12)
004 Abril 1958 (11)
005 Maio 1958 (9)
006 Junho 1958 (10)
007 Julho 1958 (10)
008 Agosto 1958 (9)
009 Setembro 1958 (10)
010 Outubro 1958 (10)
011 Novembro 1958 (9)
012 Dezembro 1958 (12)
013 Janeiro 1959 (7)
014 Fevereiro 1959 (8)
015 Março 1959 (7)
016 Abril 1959 (7)
017 Maio 1959 (9)
018 Junho 1959 (7)
019 Julho 1959 (8)
020 Agosto 1959 (6)
021 Setembro 1959 (7)
022 Outubro 1959 (5)
023 Novembro 1959 (7)
024 Dezembro 1959 (6)
025 Janeiro 1960 (6)
026 Fevereiro 1960 (7)
027 Março 1960 (6)
028 Abril 1960 (9)
029 Maio 1960 (6)
030 Junho 1960 (9)
031 Julho 1960 (8)
032 Agosto 1960 (8)
033 Setembro 1960 (7)
034 Outubro 1960 (7)
035 Novembro 1960 (7)
036 Dezembro 1960 (7)
037 Janeiro 1961 (7)
038 Fevereiro 1961 (6)
039 Março 1961 (5)
040 Abril 1961 (6)
041 Maio 1961 (5)
042 Junho 1961 (5)
043 Julho 1961 (6)
044 Agosto 1961 (5)
045 Setembro 1961 (6)
046 Outubro 1961 (7)
047 Novembro 1961 (6)
048 Dezembro 1961 (5)
049 Janeiro 1962 (7)
050 Fevereiro 1962 (5)
051 Março 1962 (5)
052 Abril 1962 (6)
053 Maio 1962 (7)
054 Junho 1962 (5)
055 Julho 1962 (6)
056 Agosto 1962 (7)
057 Setembro 1962 (7)
058 Outubro 1962 (6)
059 Novembro 1962 (5)
060 Dezembro 1962 (8)
061 Janeiro 1963 (6)
062 Fevereiro 1963 (5)
063 Março 1963 (5)
064 Abril 1963 (5)
065 Maio 1963 (6)
066 Junho 1963 (5)
240 Dezembro 1979 (1)
344 Janeiro 1991 (8)
345 Fevereiro 1991 (8)
346 Março 1991 (9)
347 Abril 1991 (8)
348 Maio 1991 (6)
349 Junho 1991 (9)
350 Julho 1991 (5)
351 Agosto 1991 (8)
352 Setembro 1991 (7)
356 Janeiro 1992 (9)
360 Maio 1992 (1)
368 Janeiro 1993 (7)
369 Fevereiro 1993 (5)
370 Março 1993 (5)
371 Abril 1993 (6)
373 Junho 1993 (9)
374 Julho 1993 (8)
377 Outubro 1993 (11)
379 Dezembro 1993 (7)
380 Janeiro 1994 (7)
381 Fevereiro 1994 (7)
382 Março 1994 (7)
383 Abril 1994 (6)
385 Junho 1994 (6)
386 Julho 1994 (10)
387 Agosto 1994 (7)
388 Setembro 1994 (10)
389 Outubro 1994 (10)
390 Novembro 1994 (6)
391 Dezembro 1994 (8)
392 Janeiro 1995 (6)
393 Fevereiro 1995 (7)
395 Abril 1995 (10)
397 Junho 1995 (6)
398 Julho 1995 (10)
399 Agosto 1995 (7)
400 Setembro 1995 (8)
401 Outubro 1995 (11)
402 Novembro 1995 (8)
403 Dezembro 1995 (8)
449 Outubro 1999 (1)
457 Junho 2000 (8)
468 Maio 2001 (8)
491 Maio 2003 (14)
500 Fevereiro 2004 (9)
501 Março 2004 (8)
504 Junho 2004 (15)
505 Julho 2004 (7)
506 Agosto 2004 (15)
507 Setembro 2004 (7)
508 Outubro 2004 (12)
509 Novembro 2004 (12)
510 Dezembro 2004 (9)
513 Março 2005 (10)
516 Junho 2005 (12)
517 Julho 2005 (13)
518 Agosto 2005 (20)
519 Setembro 2005 (12)
520 Outubro 2005 (13)
521 Novembro 2005 (12)
522 Dezembro 2005 (12)
523 Janeiro 2006 (11)
524 Fevereiro 2006 (11)
525 Março 2006 (14)
526 Abril 2006 (12)
527 Maio 2006 (13)
528 Junho 2006 (15)
529 Julho 2006 (14)
530 Agosto 2006 (15)
531 Setembro 2006 (13)
532 Outubro 2006 (14)
537 Março 2007 (13)
539 Maio 2007 (14)
543 Setembro 2007 (18)
545 Novembro 2007 (12)
547 Janeiro 2008 (14)
548 Fevereiro 2008 (15)
549 Março 2008 (13)
551 Maio 2008 (14)
554 Agosto 2008 (15)
555 Setembro 2008 (13)
 
...CAPA*TÓPASSUNTOTÍTULO (hits/dia)AUTORHITS PDF
1 #REVISTA = 501 
desejo = 10 
deus = 6 
capacidade = 5 
coração = 4 
vida = 4 
santo = 4 
desejo santo = 3 
humano = 3 
infinito = 3 
quanto = 3 
PeRReflexões A vida inteira é desejo santo (0.49) Estêvão Bettencourt 980
#1746 Março 2004, 15 [501, março 2004, Santo Agostinho, infinito]

Num de seus sermões, S. Agostinho toca numa fibra muito delicada do coração humano: o desejo inato de algo maior e melhor do que os bens visíveis que cercam o homem, passageiros e fugazes como são. A criatura humana foi feita pelo infinito e traz em si o selo do infinito...
2 #REVISTA = 501 
jesus = 26 
josé = 10 
cristãos = 10 
flávio = 9 
flávio josé = 8 
respeito = 7 
cristo = 7 
plínio = 6 
templo = 6 
messias = 5 
PeRCiência e Fé A ciência tenta explicar a Bíblia (0.81) Estêvão Bettencourt 1616
#1747 Março 2004, 15 [501, março 2004, Bíblia, Época, arqueologia, historiografia, Moisés, Jericó, Salomão, Flavio Jose]

A revista ÉPOCA, 22/12/03, apresenta a reportagem de Marcelo Ferroni, que, à luz de escavações arqueológicas, atribui à Bíblia diversas imprecisões e inverdades. - O artigo tem índole sensacionalista mais do que caráter científico objetivo, como se depreende do confronto da reportagem com obras de especialistas em arqueologia e historiografia bíblicas.
3 #REVISTA = 501 
papa = 13 
anos = 13 
joão = 11 
paulo = 9 
além = 8 
pedro = 8 
mundo = 8 
história = 7 
joão paulo = 7 
wojtyla = 7 
PeRMundo Atual O Homem do Século XX (0.73)Hélio Begliomini 1448
#1748 Março 2004, 15 [501, março 2004, Papa João Paulo II, Karol Wojtyla, Mikail Gorbachev, Hélio Begliomini, papa, papado]

Recebeu em 1994 o título de "O Homem do Ano" pela revista Time. Quatro anos após, ao completar o vigésimo aniversário de seu magistério, dado à sua grande atuação e influência no mundo contemporâneo, João Paulo II foi chamado "O Homem do Século"...
4 #REVISTA = 501 
patriarcas = 35 
abraão = 17 
relatos = 15 
deus = 13 
religião = 10 
jacó = 9 
anos = 9 
bíblicos = 8 
sido = 7 
nome = 7 
PeREscrituras É Fiel a História dos Patriarcas Bíblicos? (1.70) Estêvão Bettencourt 3397
#1749 Março 2004, 15 [501, março 2004, patriarcas, Bíblia, história, Moisés, Abraão, Israel, anacronismos]

A historicidade dos relatos concernentes aos Patriarcas bíblicos se depreende de certos tópicos: a) os Patriarcas seguem os hábitos dos povos nômades; b) observam normas jurídicas que, por seu caráter primitivo, diferem das leis da Idade do Ferro ou da monarquia israelita; c) são apresentados com todas as falhas humanas, sem preocupação de embelezamento artificial. É preciso reconhecer, porém, que nem sempre a cronologia desses relatos é exata, principalmente quando se trata da idade dos Patriarcas.
5 #REVISTA = 501 
deus = 16 
igreja = 14 
scott = 13 
bíblia = 12 
escritura = 10 
tradição = 8 
católica = 8 
palavra = 8 
somente = 7 
igreja católica = 6 
PeRTestemunhos Todos os Caminhos Vão Dar a Roma (1.86) Estêvão Bettencourt 3722
#1750 Março 2004, 15 [501, março 2004, reforma, catolicismo, só a fé, só a Bíblia, sola scriptura, sola fides, Lutero, Eucaristia, escritura, Bíblia, conversão]

O livro vem a ser a autobiografia de um casal presbiteriano que se converteu ao Catolicismo mediante atento estudo das Escrituras e da Tradição. Verificaram que muitos preconceitos os mantinham afastados da Igreja Católica; averiguaram outrossim que as duas pilastras do protestantismo - Somente a fé e Somente a Escritura - carecem de fundamento na própria Bíblia. - O marido se converteu em primeiro lugar, ficando a esposa desolada; a seguir, ela, devidamente convicta, também abraçou a fé católica.
6 #REVISTA = 501 
casa = 18 
telergia = 14 
velocidade = 13 
pessoa = 13 
energia = 12 
corpos = 9 
fenômeno = 9 
pessoas = 8 
aporte = 8 
objetos = 7 
PeRO Que É? Casa Mal-Assombrada (2.24) Estêvão Bettencourt 4471
#1751 Março 2004, 15 [501, março 2004, telergia, aporte, parapsicologia, paranormal, espíritos]

A imprensa deu notícia de casa mal-assombrada no Rio Grande do Sul; os moradores abandonaram a residência, julgando haver aí um demônio ou uma alma do outro mundo. - Na verdade, o fenômeno se explica pela presença, na casa, de uma pessoa que sofra de uma "tempestade (trauma) interior" e projete esse tumulto psicológico para fora de si mediante a telergia.
Ver comentários...
7 #REVISTA = 501 
preservativos = 14 
aids = 11 
sexual = 8 
preservativo = 8 
vírus = 6 
falha = 6 
camisinha = 5 
transmissão = 5 
1987 = 5 
adolescentes = 5 
PeRPesquisa Aids, Preservativos e Mentiras (1.01) Estêvão Bettencourt 2027
#1752 Março 2004, 15 [501, março 2004, aids, preservativos, camisinha, sexo, aborto, abstinência, castidade, contaminação]

O presidente da Cruz Vermelha Mexicana, José Barroso Chávez, reabriu o debate no país sobre a eficácia dos preservativos na luta contra a AIDS, reconhecendo que não são 100% seguros contra o vírus. Barroso criticou a campanha do governo lançada para combater a doença a partir da distribuição de preservativos. Barroso Chávez explicou que vários estudos científicos em nível internacional provam que, em 40% dos casos, os preservativos falham, tornando-se, assim, um método ineficiente para evitar o contágio do vírus HIV, e argumentou que todas as campanhas de prevenção da doença deveriam proclamar "a verdade completa e não a mentira" (Cidade do México, 11 fev 1998 - SN)
8 #REVISTA = 501 
igreja = 47 
aids = 35 
preservativos = 35 
camisinha = 21 
preservativo = 20 
sexual = 19 
saúde = 14 
sexo = 13 
família = 11 
mesma = 11 
PeRPrática Cristã Carta às Famílias do Brasil (0.94)Dom Rafael Cifuentes 1882
#1756 Março 2004, 15 [501, março 2004, família, preservativo, Aids, camisinha, Brasil]

Alguns meios de comunicação questionam: como é possível que a Igreja não recomende o uso dos preservativos? Não é este o método mais eficaz para deter o avanço dessa doença que se está convertendo numa verdadeira epidemia endêmica de âmbito planetário?: "A Igreja nega o óbvio", apregoa a manchete de um importante jornal paulistano... "Pecado é não usar 'camisinha'", mas não é pecado trair a esposa usando camisinha; não é pecado o desregramento sexual porque se usa "camisinha"; não é pecado deflorar uma menina porque se usa "camisinha"; não é pecado perverter menores incitando-os a usar "camisinha"; não é pecado desfigurar a imagem do Brasil, que tem tantos valores, apresentando-o como o país da libertinagem, das mulheres fáceis, dos bacanais de carnaval...