||  Início  ->  Revista Pergunte e Responderemos

NÚMERO

-008 Março 1957 (11)
-007 Junho 1957 (8)
-006 Julho 1957 (12)
-005 Agosto 1957 (7)
-004 Setembro 1957 (9)
-003 Outubro 1957 (10)
-002 Novembro 1957 (15)
-001 Dezembro 1957 (12)
001 Janeiro 1958 (11)
002 Fevereiro 1958 (11)
003 Março 1958 (12)
004 Abril 1958 (11)
005 Maio 1958 (9)
006 Junho 1958 (10)
007 Julho 1958 (10)
008 Agosto 1958 (9)
009 Setembro 1958 (10)
010 Outubro 1958 (10)
011 Novembro 1958 (9)
012 Dezembro 1958 (12)
013 Janeiro 1959 (7)
014 Fevereiro 1959 (8)
015 Março 1959 (7)
016 Abril 1959 (7)
017 Maio 1959 (9)
018 Junho 1959 (7)
019 Julho 1959 (8)
020 Agosto 1959 (6)
021 Setembro 1959 (7)
022 Outubro 1959 (5)
023 Novembro 1959 (7)
024 Dezembro 1959 (6)
025 Janeiro 1960 (6)
026 Fevereiro 1960 (7)
027 Março 1960 (6)
028 Abril 1960 (9)
029 Maio 1960 (6)
030 Junho 1960 (9)
031 Julho 1960 (8)
032 Agosto 1960 (8)
033 Setembro 1960 (7)
034 Outubro 1960 (7)
035 Novembro 1960 (7)
036 Dezembro 1960 (7)
037 Janeiro 1961 (7)
038 Fevereiro 1961 (6)
039 Março 1961 (5)
040 Abril 1961 (6)
041 Maio 1961 (5)
042 Junho 1961 (5)
043 Julho 1961 (6)
044 Agosto 1961 (5)
045 Setembro 1961 (6)
046 Outubro 1961 (7)
047 Novembro 1961 (6)
048 Dezembro 1961 (5)
049 Janeiro 1962 (7)
050 Fevereiro 1962 (5)
051 Março 1962 (5)
052 Abril 1962 (6)
053 Maio 1962 (7)
054 Junho 1962 (5)
055 Julho 1962 (6)
056 Agosto 1962 (7)
057 Setembro 1962 (7)
058 Outubro 1962 (6)
059 Novembro 1962 (5)
060 Dezembro 1962 (8)
061 Janeiro 1963 (6)
062 Fevereiro 1963 (5)
063 Março 1963 (5)
064 Abril 1963 (5)
065 Maio 1963 (6)
066 Junho 1963 (5)
240 Dezembro 1979 (1)
344 Janeiro 1991 (8)
345 Fevereiro 1991 (8)
346 Março 1991 (9)
347 Abril 1991 (8)
348 Maio 1991 (6)
349 Junho 1991 (9)
350 Julho 1991 (5)
351 Agosto 1991 (8)
352 Setembro 1991 (7)
356 Janeiro 1992 (9)
360 Maio 1992 (1)
368 Janeiro 1993 (7)
369 Fevereiro 1993 (5)
370 Março 1993 (5)
371 Abril 1993 (6)
373 Junho 1993 (9)
374 Julho 1993 (8)
377 Outubro 1993 (11)
379 Dezembro 1993 (7)
380 Janeiro 1994 (7)
381 Fevereiro 1994 (7)
382 Março 1994 (7)
383 Abril 1994 (6)
385 Junho 1994 (6)
386 Julho 1994 (10)
387 Agosto 1994 (7)
388 Setembro 1994 (10)
389 Outubro 1994 (10)
390 Novembro 1994 (6)
391 Dezembro 1994 (8)
392 Janeiro 1995 (6)
393 Fevereiro 1995 (7)
395 Abril 1995 (10)
397 Junho 1995 (6)
398 Julho 1995 (10)
399 Agosto 1995 (7)
400 Setembro 1995 (8)
401 Outubro 1995 (11)
402 Novembro 1995 (8)
403 Dezembro 1995 (8)
449 Outubro 1999 (1)
457 Junho 2000 (8)
468 Maio 2001 (8)
491 Maio 2003 (14)
500 Fevereiro 2004 (9)
501 Março 2004 (8)
504 Junho 2004 (15)
505 Julho 2004 (7)
506 Agosto 2004 (15)
507 Setembro 2004 (7)
508 Outubro 2004 (12)
509 Novembro 2004 (12)
510 Dezembro 2004 (9)
513 Março 2005 (10)
516 Junho 2005 (12)
517 Julho 2005 (13)
518 Agosto 2005 (20)
519 Setembro 2005 (12)
520 Outubro 2005 (13)
521 Novembro 2005 (12)
522 Dezembro 2005 (12)
523 Janeiro 2006 (11)
524 Fevereiro 2006 (11)
525 Março 2006 (14)
526 Abril 2006 (12)
527 Maio 2006 (13)
528 Junho 2006 (15)
529 Julho 2006 (14)
530 Agosto 2006 (15)
531 Setembro 2006 (13)
532 Outubro 2006 (14)
537 Março 2007 (13)
539 Maio 2007 (14)
543 Setembro 2007 (18)
545 Novembro 2007 (12)
547 Janeiro 2008 (14)
548 Fevereiro 2008 (15)
549 Março 2008 (13)
551 Maio 2008 (14)
554 Agosto 2008 (15)
555 Setembro 2008 (13)
 
...CAPA*TÓPASSUNTOTÍTULO (hits/dia)AUTORHITS PDF
1 #REVISTA = 523 
pedra = 3 
bela escultura = 1 
escultura = 1 
extraiu-lhe bela = 1 
bela = 1 
esses = 1 
diferença = 1 
esses casos = 1 
casos = 1 
escultura esses = 1 
PeRSabedoria A Pedra (0.58) Estêvão Bettencourt 1478
#16 Janeiro 2006, 01 [superação, obstáculos, cruzes, 523, janeiro 2006]

2 #REVISTA = 523 
cristo = 24 
deus = 19 
bíblia = 15 
jesus = 14 
igreja = 11 
obras = 11 
salvação = 11 
escrituras = 10 
graça = 10 
romano = 9 
PeRProtestantismo 27 Razões para não ser Católico (1.13) Estêvão Bettencourt 2894
#15 Janeiro 2006, 01 [protestantismo, Lutero, obras, graça, fé, fé e obras, imagens, 523, janeiro 2006]

O presente artigo responde ao questionamento apresentado por um irmão protestante, que nada de novo diz. As respostas dadas ao irmão poderão ser úteis a quantos fiéis católicos se vêem assediados por objeções - às vezes caluniosas - de irmãos separados.
Ver comentários...
3 #REVISTA = 523 
deus = 23 
texto = 23 
tradução = 18 
bíblia = 17 
linguagem = 13 
vocabulário = 12 
palavra = 12 
jesus = 9 
bíblica = 8 
senhor = 8 
PeREscrituras A Bíblia na Linguagem de Hoje (1.39) Estêvão Bettencourt 3572
#17 Janeiro 2006, 01 [bíblia, interpretação, protestantismo, tradução, 523, janeiro 2006]

A "Bíblia na Linguagem de Hoje" é uma tentativa de traduzir em linguagem popular o texto sagrado para torná-lo acessível ao grande público. A intenção dos tradutores é louvável, mas a obra é infeliz, pois, mais do que uma tradução, fizeram uma interpretação, por vezes nitidamente protestante. Além do quê, a adaptação do texto sagrado ao vocabulário popular faz que o novo texto deixe de apresentar termos bíblicos ricos de conotações e temas teológicos como "Tradição, depósito, mistério...”; assim se empalidece a mensagem bíblica em vez de ser levada ao povo simples. A solução para o problema da difusão da Bíblia está, antes, em conservar o vocabulário típico e rico do texto sagrado, munindo-o, porém, de notas explicativas em rodapé a fim de que o leitor não iniciado cresça em cultura bíblica, em vez de ser deixado na sua exígua cultura, com empobrecimento da mensagem sagrada.
4 #REVISTA = 523 
igreja = 16 
inquisição = 15 
deus = 13 
mulheres = 11 
filhos = 10 
verdade = 10 
anjos = 8 
passado = 7 
demônio = 7 
papa = 7 
PeRHistória A Inquisição (0.64) Estêvão Bettencourt 1635
#18 Janeiro 2006, 01 [inquisição, idade média, 523, janeiro 2006]

Realizou-se em Roma de 29 a 31 de outubro de 2000 um Simpósio Internacional sobre a temática da Inquisição, cujas atas foram publicadas. O presente artigo transmite alguns traços importantes do grosso livro daí resultante, tendo em vista especialmente a bruxaria.
5 #REVISTA = 523 
deus = 48 
jesus = 16 
lugar = 10 
história = 8 
revelação = 7 
autor = 7 
blank = 6 
divina = 5 
humana = 5 
testamento = 5 
PeREscatologia Deus na História (0.75) Estêvão Bettencourt 1914
#19 Janeiro 2006, 01 [escatologia, teologia da libertação, 523, janeiro 2006]

O autor julga que os atributos significativos da transcendência de Deus (Onipotente, Onisciente, Eterno...) interessam a Jesus Cristo menos do que os atributos expressivos da defesa dos pobres e excluídos. A face que Deus quis revelar aos homens mediante Jesus Cristo seria a do Deus que se opõe aos poderosos e toma o partido dos fracos. Ao dizer isto, R. Blank faz violência ao texto sagrado, em que Jesus aparece como Rei cujo reino não é deste mundo, mas é transcendente - o que não impede que o Reino de Deus tenha sérias incidências na organização da ordem temporal.
6 #REVISTA = 523 
cristo = 3 
corpo = 3 
deus = 3 
chagas = 2 
cristão = 2 
cintura = 2 
cilício = 2 
ganhar coroa = 2 
tais = 2 
coroa = 2 
PeRO Que É? Estigmas, Cilício, Disciplina (1.03) Estêvão Bettencourt 2649
#20 Janeiro 2006, 01 [penitência, sacrifício, 523, Janeiro 2006]

Instrumentos penitenciais. O que são?
7 #REVISTA = 523 
homem = 29 
humano = 21 
alma = 20 
humana = 16 
animal = 13 
princípio = 13 
matéria = 12 
alma humana = 12 
espiritual = 12 
material = 11 
PeRCiência e Fé Genoma Humano e Genoma do Chimpanzé (0.73) Estêvão Bettencourt 1867
#21 Janeiro 2006, 01 [alma, princípio vital, espiritualidade, macaco, home, evolução, 523, janeiro 2006]

Recente pesquisa averiguou que o genoma do homem e o do chimpanzé diferem entre si na porcentagem de 4% apenas. Isto não implica que o homem seja um macaco aperfeiçoado, pois o que define um vivente não é a sua estrutura corpórea, mas o seu princípio vital. Este no homem é espiritual, transcende a matéria e não tem origem por evolução.
8 #REVISTA = 523 
homem = 39 
humano = 14 
religião = 10 
animais = 8 
valores = 8 
religioso = 8 
senso = 8 
animal = 8 
consciência = 7 
macaco = 6 
PeRCiência e Fé Homem e Macaco (0.73) Estêvão Bettencourt 1874
#22 Janeiro 2006, 01 [evolução, espiritualidade, Charles Darwin, consciência, transcedental, alma, 523, janeiro 2006]

Embora o corpo do homem se assemelhe ao do chimpanzé, o ser humano como tal se distingue do macaco pelo seu senso ético e seu senso religioso derivados da espiritualidade da alma humana.
9 #REVISTA = 523 
bíblia = 23 
deus = 13 
sentido = 10 
código = 9 
livro = 8 
texto = 8 
escritura = 8 
deve = 7 
mundo = 7 
futuro = 6 
PeREscrituras O Código da Bíblia (0.70) Estêvão Bettencourt 1790
#23 Janeiro 2006, 01 [Michael Drosnin, profecias, fim do mundo, mistério, apocalipse, 523, Janeiro 2006]

O jornalista americano Michael Drosnin julga que a Bíblia prediz, de maneira cifrada, acontecimentos dos séculos XX e XXI. Tal interpretação é arbitrária e não merece crédito; obedece à fantasia e não à razão; por isto não pode ser tida como científica.
10 #REVISTA = 523 
deus = 7 
demônio = 6 
igreja = 4 
escritura = 4 
anjos = 4 
existência = 4 
anjo = 3 
nossos = 3 
possessão = 3 
tradição = 2 
PeRApologética O Demonio, Sim ou Não (0.72) Estêvão Bettencourt 1845
#24 Janeiro 2006, 01 [523, janeiro 2006, satanás, diabo, gênesis, crendices, anjos]

Atualmente, ao lado dos que negam a existência do demônio, há quem exagere, querendo ver o demônio atuando em toda parte. Nem oito nem oitenta...
11 #REVISTA = 523 
populismo = 11 
evangélico = 8 
país = 5 
populista = 4 
político = 4 
irmão = 4 
poder = 4 
populismo evangélico = 4 
governante = 3 
governo = 3 
PeRProtestantismo O Populismo Evangélico (0.88)Eduardo Rosa Pedreira 2252
#25 Janeiro 2006, 01 [fé, política, eleição, 523, janeiro 2006]

Populismo é a arte de cativar a simpatia do povo carente, prometendo-lhe hospital, escola, transporte... em troca de voto em próxima eleição. Essa arte se torna mais nefasta ainda quando apela também para motivos religiosos sintetizados no axioma "Irmão (crente) vota no irmão (crente)".
Ver comentários...