||  Início  ->  Revista Pergunte e Responderemos

NÚMERO

-008 Março 1957 (11)
-007 Junho 1957 (8)
-006 Julho 1957 (12)
-005 Agosto 1957 (7)
-004 Setembro 1957 (9)
-003 Outubro 1957 (10)
-002 Novembro 1957 (15)
-001 Dezembro 1957 (12)
001 Janeiro 1958 (11)
002 Fevereiro 1958 (11)
003 Março 1958 (12)
004 Abril 1958 (11)
005 Maio 1958 (9)
006 Junho 1958 (10)
007 Julho 1958 (10)
008 Agosto 1958 (9)
009 Setembro 1958 (10)
010 Outubro 1958 (10)
011 Novembro 1958 (9)
012 Dezembro 1958 (12)
013 Janeiro 1959 (7)
014 Fevereiro 1959 (8)
015 Março 1959 (7)
016 Abril 1959 (7)
017 Maio 1959 (9)
018 Junho 1959 (7)
019 Julho 1959 (8)
020 Agosto 1959 (6)
021 Setembro 1959 (7)
022 Outubro 1959 (5)
023 Novembro 1959 (7)
024 Dezembro 1959 (6)
025 Janeiro 1960 (6)
026 Fevereiro 1960 (7)
027 Março 1960 (6)
028 Abril 1960 (9)
029 Maio 1960 (6)
030 Junho 1960 (9)
031 Julho 1960 (8)
032 Agosto 1960 (8)
033 Setembro 1960 (7)
034 Outubro 1960 (7)
035 Novembro 1960 (7)
036 Dezembro 1960 (7)
037 Janeiro 1961 (7)
038 Fevereiro 1961 (6)
039 Março 1961 (5)
040 Abril 1961 (6)
041 Maio 1961 (5)
042 Junho 1961 (5)
043 Julho 1961 (6)
044 Agosto 1961 (5)
045 Setembro 1961 (6)
046 Outubro 1961 (7)
047 Novembro 1961 (6)
048 Dezembro 1961 (5)
049 Janeiro 1962 (7)
050 Fevereiro 1962 (5)
051 Março 1962 (5)
052 Abril 1962 (6)
053 Maio 1962 (7)
054 Junho 1962 (5)
055 Julho 1962 (6)
056 Agosto 1962 (7)
057 Setembro 1962 (7)
058 Outubro 1962 (6)
059 Novembro 1962 (5)
060 Dezembro 1962 (8)
061 Janeiro 1963 (6)
062 Fevereiro 1963 (5)
063 Março 1963 (5)
064 Abril 1963 (5)
065 Maio 1963 (6)
066 Junho 1963 (5)
240 Dezembro 1979 (1)
344 Janeiro 1991 (8)
345 Fevereiro 1991 (8)
346 Março 1991 (9)
347 Abril 1991 (8)
348 Maio 1991 (6)
349 Junho 1991 (9)
350 Julho 1991 (5)
351 Agosto 1991 (8)
352 Setembro 1991 (7)
356 Janeiro 1992 (9)
360 Maio 1992 (1)
368 Janeiro 1993 (7)
369 Fevereiro 1993 (5)
370 Março 1993 (5)
371 Abril 1993 (6)
373 Junho 1993 (9)
374 Julho 1993 (8)
377 Outubro 1993 (11)
379 Dezembro 1993 (7)
380 Janeiro 1994 (7)
381 Fevereiro 1994 (7)
382 Março 1994 (7)
383 Abril 1994 (6)
385 Junho 1994 (6)
386 Julho 1994 (10)
387 Agosto 1994 (7)
388 Setembro 1994 (10)
389 Outubro 1994 (10)
390 Novembro 1994 (6)
391 Dezembro 1994 (8)
392 Janeiro 1995 (6)
393 Fevereiro 1995 (7)
395 Abril 1995 (10)
397 Junho 1995 (6)
398 Julho 1995 (10)
399 Agosto 1995 (7)
400 Setembro 1995 (8)
401 Outubro 1995 (11)
402 Novembro 1995 (8)
403 Dezembro 1995 (8)
449 Outubro 1999 (1)
457 Junho 2000 (8)
468 Maio 2001 (8)
491 Maio 2003 (14)
500 Fevereiro 2004 (9)
501 Março 2004 (8)
504 Junho 2004 (15)
505 Julho 2004 (7)
506 Agosto 2004 (15)
507 Setembro 2004 (7)
508 Outubro 2004 (12)
509 Novembro 2004 (12)
510 Dezembro 2004 (9)
513 Março 2005 (10)
516 Junho 2005 (12)
517 Julho 2005 (13)
518 Agosto 2005 (20)
519 Setembro 2005 (12)
520 Outubro 2005 (13)
521 Novembro 2005 (12)
522 Dezembro 2005 (12)
523 Janeiro 2006 (11)
524 Fevereiro 2006 (11)
525 Março 2006 (14)
526 Abril 2006 (12)
527 Maio 2006 (13)
528 Junho 2006 (15)
529 Julho 2006 (14)
530 Agosto 2006 (15)
531 Setembro 2006 (13)
532 Outubro 2006 (14)
537 Março 2007 (13)
539 Maio 2007 (14)
543 Setembro 2007 (18)
545 Novembro 2007 (12)
547 Janeiro 2008 (14)
548 Fevereiro 2008 (15)
549 Março 2008 (13)
551 Maio 2008 (14)
554 Agosto 2008 (15)
555 Setembro 2008 (13)
 
...CAPA*TÓPASSUNTOTÍTULO (hits/dia)AUTORHITS PDF
1 #REVISTA = 25 
vocação = 62 
deus = 39 
vida = 29 
sacerdotal = 23 
religiosa = 23 
senhor = 17 
estado = 13 
homem = 11 
chamado = 11 
vocação religiosa = 10 
PeRDoutrina Vocação, como distingui-la? (3.10) Estêvão Bettencourt 5283
#2549 Janeiro 1960, 15 [025, janeiro 1960, vocação religiosa, vocação sacerdotal]

Interessado (Curitiba): “Que se entende propriamente por vocação ? E quais os critérios distintivos de uma vocação?”
2 #REVISTA = -2 
adultério = 18 
esposa = 11 
jesus = 10 
caso = 7 
caso adultério = 6 
divórcio = 6 
duas = 5 
marido = 5 
textos = 5 
interpretação = 5 
PeRDoutrina Por que a Igreja Católica proíbe o divórcio? (2.78) Estêvão Bettencourt 5038
#2308 Novembro 1957, 15 [-002, novembro 1957, divórcio, casamento, matrimônio, escrituras]

Aloísio Moura (São João Del Rei): "Por que a Igreja Católica proíbe o divórcio? O próprio Jesus o permitiu em caso de adultério (cf. Mt. 5,32; 19,9)".
3 #REVISTA = -7 
doença = 8 
deus = 6 
pecado = 6 
moléstia = 3 
conseqüência = 3 
cristo = 3 
primeiros = 2 
cruz = 2 
humano = 2 
natureza = 2 
PeRDoutrina Há relação entre pecado e doença? (2.28) Estêvão Bettencourt 5037
#1009 Junho 1957, 15 [-007, junho 1957, doença, morte, pecado original, Adão, Eva, salvação, expiação]

A doença, considerada em si, é uma conseqüência natural do desequilíbrio ou desgaste dos órgãos e humores que constituem o corpo humano. Decorre, pois, do fato de ser o corpo um composto de elementos sujeitos a sofrer desajustamento entre si. A possibilidade de adoecer é assim inerente ao conceito mesmo de natureza humana. A fé, porém, ensina que a doença, como ela hoje ocorre, não é fenômeno meramente natural....
Ver comentários...
4 #REVISTA = 457 
consciência = 65 
pecado = 12 
pessoa = 12 
agir = 11 
caso = 11 
verídica = 10 
consciência verídica = 9 
errônea = 9 
sujeito = 8 
julga = 8 
PeRDoutrina A Formação da Consciência (2.36) Estêvão Bettencourt 4768
#1676 Junho 2000, 15 [457, junho 2000, consciência, confissão, pecados, reconciliação]

A consciência, como norma imediata do comportamento humano, pode ser deformada. Daí a importância de formá-la corretamente. Somente a consciência firme (não hesitante) e reta pode ser tomada como norma dos costumes. O artigo abaixo indica princípios que contribuem para que o ser humano chegue a ter uma consciência firme e verídica.
5 #REVISTA = 28 
sobrenatural = 29 
natureza = 28 
natural = 18 
homem = 12 
deus = 10 
preternatural = 9 
quanto = 8 
determinada = 8 
exigências = 7 
aquilo = 7 
PeRDoutrina Natural, Sobrenatural e Preternatural (2.82) Estêvão Bettencourt 4723
#2599 Abril 1960, 15 [028, abril 1960, natureza, natural, sobrenatural, preternatural, paranormal, filosofia]

P. P. (Rio de Janeiro): «Que se entende por natural, sobrenatural, preternatural ? Quais as relações desses elementos com o 'milagroso' ?»
6 #REVISTA = 395 
jesus = 88 
milagres = 46 
deus = 12 
caso = 11 
milagres jesus = 10 
milagre = 9 
sinais = 9 
homens = 8 
apolônio = 7 
nome = 7 
PeRDoutrina Milagres de Jesus: Fatos e Significado (1.51) Estêvão Bettencourt 3719
#234 Abril 1995, 01 [395, abril 1995, milagres, messias, sinais]

Note-se o estilo singular segundo o qual Jesus realizava milagres: nunca em seu favor, jamais para punir, sem teatralidade, com discreção e sobriedade. Estas características diferenciam bem os milagres de Jesus dos que os taumaturgos dos judeus ou pagãos tenham realizado, e testemunham em favor da historicidade de tais feitos. Estes são entendidos por Jesus e pela Tradição dos Apóstolos como sinais (semeia, em grego) que explicitam a vinda do Messias e do Reino de Deus.
7 #REVISTA = 47 
igreja = 90 
cristo = 28 
fora = 28 
salvação = 25 
desejo = 19 
fora igreja = 17 
deus = 16 
batismo = 13 
homens = 12 
alguém = 11 
PeRDoutrina Fora da Igreja não há Salvação? (2.45) Estêvão Bettencourt 3652
#2902 Novembro 1961, 15 [047, novembro 1961, salvação, Igreja, Corpo de Cristo]

Lúcio (RJ): «Os católicos costumam dizer que fora da Igreja não há salvação. Ora esta proposição parece mesquinha e intransigente. Não existe tanta gente boa fora da Igreja? Será que Deus condenará tais pessoas?»
8 #REVISTA = 28 
homem = 45 
deus = 44 
natureza = 31 
estado = 22 
dons = 22 
adão = 21 
humana = 17 
pecado = 16 
natural = 13 
natureza humana = 13 
PeRDoutrina Consequências do Pecado de Adão (2.15) Estêvão Bettencourt 3599
#2600 Abril 1960, 15 [028, abril 1960, pecado, Adão, Eva, paraíso, dons sobrenaturais, dons preternaturais, ciência infusa]

“Quais as consequências do pecado de Adão para o gênero humano ? Após a Redenção por Cristo, poderão os dons paradisíacos ser recuperados em casos especiais ?”
9 #REVISTA = 371 
deus = 29 
pecado = 26 
catecismo = 23 
igreja = 23 
homem = 20 
texto = 13 
moral = 13 
obra = 12 
escritura = 11 
alma = 11 
PeRDoutrina O Catecismo da Igreja Católica (1.47) Estêvão Bettencourt 3496
#476 Abril 1993, 01 [371, abril 1993, catecismo, moral, fé, credo, doutrina, tradição, escrituras, papa João Paulo II]

O "Catecismo da igreja Católica", promulgado em 1992 pelo Papa João Paulo II, vem a ser o referencial para se ensinar a doutrina católica no mundo inteiro; propondo em termos claros e simples a mensagem da fé, dissipa as dúvidas que ultimamente têm sido levantadas a respeito de pontos do Credo; desta forma o povo de Deus terá como se orientar frente a teorias que hoje o sacodem.
10 #REVISTA = -1 
jesus = 8 
cristo = 8 
inferno = 6 
justos = 5 
bem-aventurança = 5 
regiões = 4 
sheol = 4 
paraíso = 4 
infernos = 4 
termo = 4 
PeRDoutrina O que Jesus foi fazer no inferno? (1.86) Estêvão Bettencourt 3351
#2338 Dezembro 1957, 15 [-001, novembro 1957, inferno, sheol, seio de Abraão, escrituras]

Rubem (Rio de Janeiro): "Não terá sido erro de Jesus oferecer o paraíso ao bom ladrão no mesmo dia em que o próprio Jesus ia morrer para descer aos infernos e lá passar três dias? E, se Cristo desceu aos infernos, não haverá salvação no inferno?"
11 #REVISTA = 351 
jesus = 81 
ressurreição = 63 
cristo = 62 
ressurreição jesus = 24 
deus = 23 
espírito = 21 
apóstolos = 21 
ressuscitou = 19 
paulo = 18 
senhor = 17 
PeRDoutrina A Ressurreição de Jesus (1.32) Estêvão Bettencourt 3230
#247 Agosto 1991, 01 [351, agosto 1991, ressurreição, sepulrco, docetismo, Bultmann, gnosticismo]

A ressurreição corporal de Jesus era professada tranqüilamente pela Igreja nascente, sem que os judeus ou outros adversários a pudessem apontar como termo de fraude ou de alucinação. De resto, o sepulcro vazio de Jesus era um testemunho que corroborava a notícia. Nunca esta teria passado adiante se o sepulcro de Jesus não estivesse vazio. De resto, os Apóstolos só podiam apregoar a ressurreição de Jesus vencidos pela evidência dos fatos, pois não estavam predispostos a supô-la ou admiti-la; antes, haviam perdido todo ânimo quando viram o Mestre preso e condenado; a noção mesma de um Messias crucificado só podia parecer escandalosa e blasfema.
12 #REVISTA = 0 
deus = 12 
vida = 11 
mundo = 9 
virgindade = 9 
senhor = 6 
estado = 6 
eunucos = 4 
virginal = 4 
coisas = 4 
paulo = 4 
PeRDoutrina Crescei e Multiplicai-vos (1.76) Estêvão Bettencourt 3187
#2312 Novembro 1957, 15 [celibato, virgindade, eunuco]

Leni (Rio de Janeiro): "Se Deus disse: ‘Crescei e multiplicai-vos’, os padres e freiras não obedecem a esta ordem, além de atrofiarem a natureza".
13 #REVISTA = 543 
vida = 11 
homem = 9 
adão = 9 
deus = 9 
jesus = 9 
primeiro = 7 
cristo = 7 
morte = 5 
primeiro adão = 5 
sofreu = 4 
PeRDoutrina Por que Jesus nasceu como homem, sofreu, morr.. (1.22) Estêvão Bettencourt 3084
#99 Setembro 2007, 01 [543, setembro 2007, sofrimento, Adão, humanidade, sacramentos]

Jesus é o novo Adão, que veio recapitular o primeiro Adão, oferecendo ao Pai, em nome de toda a humanidade, a obediência e o amor que o primeiro Adão lhe recusou. É Cabeça de uma nova humanidade, à qual comunica sua vida mediante os sacramentos. Sofreu ao extremo para poder assegurar a todo ser humano angustiado que Deus já santificou e transfigurou toda dor humana.
14 #REVISTA = 5 
deus = 56 
homem = 28 
graça = 18 
criatura = 16 
predestinação = 16 
eterna = 11 
criador = 11 
salvação = 10 
fato = 10 
vida = 9 
PeRDoutrina Predestinação e Liberdade (1.72) Estêvão Bettencourt 3073
#2370 Maio 1958, 15 [005, maio 1958, predestinação, livre arbítrio, liberdade, destino, misericórdia, justiça, teologia]

Pessimista (Rio): “Afinal a doutrina católica admite ou não a predestinação? Em que se distinguiria do fato ou do destino a predestinação?”
15 #REVISTA = 35 
maria = 44 
cristo = 27 
morte = 25 
assunção = 21 
ssma = 18 
virgem = 15 
igreja = 15 
corpo = 13 
tradição = 12 
dogma = 10 
PeRDoutrina A Assunção de Maria aos Céus (1.86) Estêvão Bettencourt 2980
#2703 Novembro 1960, 15 [035, novembro 1960, Maria Santíssima, assunção, ressurreição, dogmas, revelação, tradição, escrituras]

EVANGÉLICO (São Paulo): «Quais os fundamentos do dogma da Assunção corporal de Maria aos céus?»
16 #REVISTA = 381 
igreja = 28 
cristo = 20 
pontífice = 20 
deus = 19 
definição = 19 
magistério = 19 
divina = 13 
papa = 13 
cristãos = 12 
jesus = 12 
PeRDoutrina Infalibilidade Papal e Definições Ex-Cathedra (1.27) Estêvão Bettencourt 2969
#617 Fevereiro 1994, 01 [381, fevereiro 1994, infalibilidade, magistério, revelação, Igreja, fé, moral, encíclicas, concílios]

O presente artigo aborda questões atinentes ao Magistério da Igreja, credenciado por Jesus Cristo para ensinar de maneira autêntica as verdades reveladas pelo Senhor (cf. Mt 16,16-19; 28,18-20; Lc 21, 31s; Jo 21,15-17 ...). Tal Magistério tem suas modalidades: 1) Magistério ordinário (o ensinamento comum dos Bispos do mundo inteiro); 2) Magistério extraordinário (definições solenes de Concílios universais e do Romano Pontífice em matéria de fé e de Moral). O artigo apresenta a série de definições proferidas pelos Papas no decorrer dos séculos.
17 #REVISTA = 399 
domingo = 51 
cristãos = 24 
senhor = 24 
eucaristia = 18 
semana = 17 
sábado = 17 
fiéis = 12 
cristã = 12 
jesus = 11 
missa = 11 
PeRDoutrina O Domingo Cristão (1.16) Estêvão Bettencourt 2803
#312 Agosto 1995, 01 [399, agosto 1995, domingo, sábado, adventistas, eucaristia, ressurreição]

O domingo sempre foi considerado pelos cristãos como dia comemorativo da Páscoa do Senhor Jesus e caracterizado pela celebração da Eucaristia. Já os Apóstolos atestam a observância do domingo em lugar do sábado dos judeus; assim São Paulo em 1Cor 16,2; Cl 2,16s; São Lucas em At 20,7-12; São João em Ap 1,10. O primeiro dia da semana dos judeus foi, por conseguinte, chamado kyriakè heméra, dia do Senhor (donde dominica dies, dominga, domingo). Tornou-se então o último dia da semana dos cristãos (que não tem primeira feira, mas se prolonga além do sábado). Esse dia é sempre festivo para os cristãos, proporcionando um antegozo mais denso da vida eterna pela participação na S. Eucaristia; esta não se reduz a um dever de ordem jurídica, mas vem a ser necessidade espontânea em todos os fiéis que compreendem o significado do domingo.
18 #REVISTA = 26 
corpo = 34 
matéria = 25 
alma = 19 
ressurreição = 15 
identidade = 14 
forma = 14 
carne = 12 
potência = 12 
corpos = 10 
notas = 9 
PeRDoutrina Como pode um corpo decomposto ressuscitar? (1.62) Estêvão Bettencourt 2751
#2563 Fevereiro 1960, 15 [026, fevereiro 1960, ressurreição, corpo, alma, matéria, forma, potência]

Afonso (RJ): «Como será possível a ressurreição geral dos corpos humanos professada pelos católicos, visto que os cadáveres se esfacelam em partículas múltiplas, as quais entram na composição de outros seres ?»
19 #REVISTA = 11 
deus = 17 
natural = 14 
decálogo = 12 
testamento = 10 
sábado = 10 
israel = 9 
imagens = 9 
positiva = 9 
direito = 9 
antigo = 9 
PeRDoutrina Lei de Moisés, Abolida ou Não? (1.43) Estêvão Bettencourt 2504
#2467 Novembro 1958, 15 [011, novembro 1958, antigo testamento, novo testamento, lei natural, lei positiva, Israel, decálogo, Moisés]

W. G. (São João del-Rei): “Se se afirma que a Lei de Moisés foi ab-rogada por Cristo, porque ainda se insiste na observância dos mandamentos do Decálogo? Mesmo entre estes, que é feito das prescrições concernentes ao sábado e às imagens? Qual é afinal o critério para se distinguir o que foi ab-rogado e o que ainda tem valor de lei?”
20 #REVISTA = 13 
pedro = 81 
roma = 50 
igreja = 41 
cristo = 29 
apóstolo = 23 
primado = 21 
bispo = 20 
apóstolos = 20 
jesus = 19 
bispo roma = 13 
PeRDoutrina O Primado de Pedro (1.28) Estêvão Bettencourt 2490
#1906 Janeiro 1959, 15 [013, janeiro 1959, Pedro, Roma, apóstolos, Igreja, sucessão apostólica, primazia, história]

Perguntas diversas sobre um mesmo tema: 1) O primado do Pontífice Romano constitui realmente um dogma de fé? Está contido na Revelação cristã? 2) A Igreja Católica e Apostólica não poderia deixar de ser Romana? Será preciso ser católico romano para ser autêntico discípulo de Cristo? 3) A resistência de São Paulo a São Pedro em Antioquia não depõe contra o primado de Pedro? 4) Quais os resultados das escavações no túmulo de São Pedro em Roma?
21 #REVISTA = 44 
animais = 36 
homem = 31 
irracionais = 26 
deus = 25 
animal = 20 
animais irracionais = 12 
sofrimento = 10 
seres = 9 
criaturas = 8 
deve = 7 
PeRDoutrina Justiça de Deus e Sofrimento dos Animais (1.60) Estêvão Bettencourt 2460
#2840 Agosto 1961, 15 [044, agosto 1961, animais, sofrimento, justiça, Deus, homem]

PERPLEXO (Niterói): «Como se concilia a Justiça de Deus com o sofrimento dos animais irracionais, que não têm culpa alguma? Por que padecem?»
22 #REVISTA = -8 
mulher = 8 
mulheres = 5 
ordem = 5 
algum = 3 
sacerdotal = 3 
lícito = 2 
mesma = 2 
tais = 2 
tomar = 2 
sacramento ordem = 2 
PeRDoutrina As mulheres e o sacramento da ordem (1.10) Estêvão Bettencourt 2437
#983 Março 1957, 15 [-008, março 1957, mulher, sacramento da ordem, ministério sacerdotal]

Há algum argumento sério e bem fundamentado que proíba à mulher receber o sacramento da Ordem?
23 #REVISTA = 9 
substância = 19 
cristo = 19 
corpo = 18 
presença = 12 
transubstanciação = 10 
corpo cristo = 9 
acidentes = 8 
eucarístico = 8 
notas = 7 
espaço = 7 
PeRDoutrina O Significado da Transubstanciação (1.27) Estêvão Bettencourt 2360
#2162 Setembro 1958, 15 [009, setembro 1958, transubstanciação, Eucaristia, corpo, sangue, pão, vinho]

E. S. E. (Rio de Janeiro): “Como se poderia tomar acessível à razão o dogma da presença real de Cristo na Eucaristia? A transubstanciação de que falam os teólogos não será dependente de pressupostos medievais já não sustentáveis à luz da Física moderna?”
24 #REVISTA = 31 
homem = 33 
deus = 30 
religião = 18 
verdade = 18 
vida = 16 
homens = 14 
cristão = 12 
cristianismo = 10 
culto = 9 
mundo = 9 
PeRDoutrina O Homem Precisa de Religião para ser Bom? (1.37) Estêvão Bettencourt 2239
#2648 Julho 1960, 15 [031, julho 1960, religião, sacramentos, modernismo, culto]

O. D. F. (Araxá): «Em matéria de Religião, o essencial é o procedimento reto e bondade para com todos os homens. As questões de credo ficam sempre obscuras. Doutro lado, a celebração de ritos é secundária. Há muitas almas boníssimas que não praticam cerimonial algum».
25 #REVISTA = 30 
circuncisão = 8 
deus = 6 
pecado = 4 
senhor = 3 
povo = 3 
foro = 3 
original = 3 
pecado original = 3 
testamento = 2 
varão = 2 
PeRDoutrina Para os meninos, a circuncisão. E as meninas? (1.34) Estêvão Bettencourt 2211
#2640 Junho 1960, 15 [030, junho 1960, circuncisão, batismo, pecado original, consagração]

FERNANDA F.: A questão parece resumir-se nos termos seguintes: dado que a circuncisão no Antigo Testamento era reservada aos meninos, qual o rito que se aplicava às meninas para lhes apagar o pecado original ?
Ver comentários...
26 #REVISTA = 46 
católico = 53 
católicos = 47 
culto = 19 
igreja = 14 
católica = 13 
religioso = 12 
perigo = 12 
meramente = 12 
fiéis = 12 
religiosa = 11 
PeRDoutrina Fiéis Católicos em Cultos não Católicos (1.47) Estêvão Bettencourt 2211
#2876 Outubro 1961, 15 [046, outubro 1961, ecumenismo, cultos mistos, casamento, batismo, sacramentos]

Elza (RJ): «Na vida cotidiana, não é raro surgirem dúvidas sobre a participação de fiéis católicos em atos de culto (preces, cantos, pregação, casamentos, batizados) de outras confissões religiosas. Quais seriam os princípios que devem nortear os católicos em tais casos?»
27 #REVISTA = 17 
deus = 26 
vontade = 11 
oração = 10 
vontade deus = 7 
homem = 6 
cristã = 5 
objetos = 3 
eternidade = 3 
determinou = 3 
bens = 3 
PeRDoutrina Se Deus é imutável, adianta rezar? (1.15) Estêvão Bettencourt 2191
#2027 Maio 1959, 15 [017, maio 1959, oração, Deus, predestinação, imutabilidade]

Barreto de São Paulo pergunta: “Se a vontade de Deus é imutável, adianta rezar? Oremos ou não, acontecerá aquilo que Deus já determinou”.
28 #REVISTA = 31 
deus = 33 
inferno = 18 
humana = 14 
alma = 13 
homem = 11 
criatura = 10 
livre = 8 
criaturas = 8 
flores = 7 
pecador = 7 
PeRDoutrina Por que no Inferno não há Perdão? (1.34) Estêvão Bettencourt 2191
#2650 Julho 1960, 15 [031, julho 1960, inferno, perdão, livre arbítrio]

TEÓFILO (São Paulo): «Como pode o Pai do Céu, que é infinitamente bom, condenar o homem a um inferno eterno, quando os pais na terra não castigam seus filhos com punições sem fim ? Certamente Deus há de perdoar aos pecadores que se acham no inferno».
29 #REVISTA = 549 
deus = 20 
macedo = 8 
alma = 7 
vida = 7 
matéria = 7 
gerada = 5 
edir = 4 
edir macedo = 4 
humana = 4 
princípio vital = 4 
PeRDoutrina Deus Cria a Alma Humana de Cada Embrião? (1.11) Estêvão Bettencourt 2177
#1873 Março 2008, 15 [549, março 2008, IURD, Edir Macedo, aborto, homossexualismo, alma, embrião]

Discute-se hoje em dia a origem da alma humana: é gerada pelos pais ou diretamente criada por Deus? Examinemos cada qual destas perguntas.
30 #REVISTA = 32 
morte = 16 
deus = 15 
mundo = 12 
homens = 12 
homem = 12 
história = 9 
pecado = 6 
contra = 6 
seres = 6 
certa = 5 
PeRDoutrina Adão e Eva, Fábula? (1.33) Estêvão Bettencourt 2168
#2665 Agosto 1960, 15 [032, agosto 1960, Adão, Eva, paraíso, imortalidade]

P. N. (Mariana): “A história do pecado de Adão e Eva parece inventada para explicar a morte e seus precursores (a doença, a fome, a dor...) no mundo. Dir-se-ia, porém, que é fábula vã, pois a morte e as misérias não precisam de explicação especial. Ou será que se encontra fora do Cristianismo algo de semelhante à história de Adão e Eva, corroborando a noção de uma culpa original?”
31 #REVISTA = 506 
pecado = 8 
original = 7 
doenças = 6 
pecado original = 6 
batismo = 4 
relação pecado = 2 
ouvi = 2 
questão = 2 
relação = 2 
organismo = 2 
PeRDoutrina Pecado e Doença (0.91) Estêvão Bettencourt 2151
#575 Agosto 2004, 01 [506, agosto 2004, pecado, doença, pecado original, graça, batismo]

Com relação ao pecado original, uma vez eu ouvi falar, já há muito tempo, que com o Batismo nós somos limpos do pecado original, mas há alguns dias eu ouvi que muitas doenças são conseqüências do pecado original. Então gostaria de saber ao certo até que ponto o Batismo pode ou não interferir nestas questões".
32 PeRDoutrina A Missa e o Sacrifício da Cruz (1.17) Estêvão Bettencourt 2082
#2387 Junho 1958, 15 [006, junho 1958, missa, eucaristia, ceia, sacrifício, cruz]

E. S. T. (Rio de Janeiro): “Como se entende que a Missa seja o sacrifício mesmo da Cruz? Cristo sofreu uma só vez ou continua a sofrer em cada Missa?”
Paulo (Recife): “Na epístola aos Hebreus c. 9, 12-28 e 10, 10-14 está escrito que o sacrifício redentor de Cristo se realizou uma só vez, em oposição aos sacrifícios da Lei mosaica. Sendo assim, como se pode ensinar que a Missa é o mesmo sacrifício da Cruz renovado diariamente sobre os altares? Donde se infere a necessidade de tal renovação da imolação de Cristo?”
33 #REVISTA = 518 
sacrifício = 9 
missa = 7 
presente = 7 
cruz = 7 
sacrifício cruz = 5 
cristo = 5 
torna = 4 
jesus = 4 
torna presente = 4 
renova = 4 
PeRDoutrina A Missa Renova o Sacrifício da Cruz? (0.89) Estêvão Bettencourt 2077
#695 Agosto 2005, 01 [518, agosto 2005, cruz, sacrifício, missa, Eucaristia]

Se por "renovar" entendemos "repetir, multiplicar', devemos dizer que a Missa não renova o sacrifício da Cruz; Cristo não pode mais padecer e morrer (Rm 6, 8-11). A Missa torna presente ou perpetua sobre os nossos altares o sacrifício da Cruz; Ele que está sempre vivo para interceder por nós (Rm 8, 4; Hb 7, 25) apresenta-nos sua oblação ao Pai para que dela possamos participar.
Ver comentários...
34 #REVISTA = 37 
homem = 44 
deus = 42 
imagem = 31 
semelhança = 15 
imagem deus = 13 
corpo = 11 
inteligência = 10 
homem imagem = 10 
texto = 9 
alma = 9 
PeRDoutrina O Homem, Imagem de Deus (1.28) Estêvão Bettencourt 2039
#2726 Janeiro 1961, 15 [037, janeiro 1960, homem, Deus, imagem e semelhança]

LIVIO (Aracaju): «Como se explica o texto de Gên 1,27: 'Deus criou o homem à sua imagem'? Visto que Deus é Espírito imortal, todo-poderoso e bom, enquanto o homem é matéria mortal, fraca e maldosa, como pode haver semelhança entre o homem e Deus?»
35 #REVISTA = 29 
relíquias = 30 
cristo = 20 
culto = 20 
cristãos = 17 
corpo = 14 
deus = 14 
despojos = 14 
tais = 11 
culto relíquias = 11 
veneração = 11 
PeRDoutrina O Culto das Relíquias (1.20) Estêvão Bettencourt 2007
#2615 Maio 1960, 15 [029, maio 1960, relíquias]

Alice (RJ) : «Como se justifica o culto das relíquias tradicionalmente praticado pelos cristãos, mas difamado por autores modernos ?»
36 #REVISTA = 10 
deus = 20 
limbo = 20 
batismo = 13 
crianças = 11 
estado = 8 
visão = 8 
sobrenatural = 8 
almas = 7 
teólogos = 7 
face = 6 
PeRDoutrina Limbo das Crianças (1.13) Estêvão Bettencourt 1997
#2433 Outubro 1958, 15 [010, outubro 1958, limbo, crianças, batismo, pecado original]

Francisco (João Pessoa): “Qual a sorte das crianças que morrem sem batismo? O chamado 'limbo das crianças' não cessará no fim dos tempos ?”
Máximo (Itajubá): “O limbo das crianças será o mesmo que o dos Patriarcas da Antiga Lei ?”
37 #REVISTA = 59 
deus = 33 
milagre = 17 
homem = 11 
homens = 10 
vida = 9 
portento = 9 
milagres = 9 
senhor = 8 
jesus = 8 
tais = 7 
PeRDoutrina Como diferenciar milagres falsos e verdadeiro.. (1.60) Estêvão Bettencourt 1931
#3132 Novembro 1962, 15 [059, novembro, milagres, discernimento]

LAUREANO (Ilhéus): «Quais as notas que diferenciam de um falso milagre (fenômeno doentio ou diabólico) o verdadeiro milagre realizado por Deus?»
38 #REVISTA = 519 
deus = 17 
possessão = 11 
exorcismo = 11 
ritual = 9 
igreja = 8 
diabólica = 8 
demônio = 8 
modo = 8 
senhor = 7 
jesus = 7 
PeRDoutrina Possessão diabólica: sim ou não? (0.94) Estêvão Bettencourt 1928
#1530 Setembro 2005, 15 [519, setembro 2005, ritual, possessão, diabo, exorcismo]

A publicação de novo Ritual de Exorcismos em 1998 significa que a Igreja acredita na possibilidade da possessão, mas pede cautela para que não se confundam estados patológicos humanos com possessão diabólica. O novo Ritual indica os possíveis sintomas de intervenção do Maligno, entre os quais sobressai a revolta contra Deus.
39 #REVISTA = -5 
deus = 14 
imagens = 13 
senhor = 7 
forma = 6 
perigo = 6 
israel = 6 
povo = 6 
nunca = 5 
santo = 5 
javé = 5 
PeRDoutrina Como se Justificam as Imagens nas Igrejas? (1.03) Estêvão Bettencourt 1887
#2240 Agosto 1957, 15 [-005, agosto 1957, idolatria, Êxodo, imagens, querubins, Israel]

"Como se justificam as imagens nas igrejas, apesar da proibição enunciada em Êxodo 20, 4-5?"
40 #REVISTA = 24 
homem = 36 
deus = 18 
religião = 17 
vida = 10 
criatura = 8 
supremo = 7 
valor = 6 
quanto = 6 
nada = 6 
criador = 6 
PeRDoutrina A prática do bem precisa de religião? (1.08) Estêvão Bettencourt 1854
#2535 Dezembro 1959, 15 [024, dezembro 1959, religião, bem, mal, criador, criatura]

Observador(RJ): “Não sinto necessidade de Religião para ser um homem bom, cumpridor de meus deveres! Para que então abraçar uma Religião ?”
De Boa Vontade (RJ): “Deixemos de discutir proposições doutrinárias, para unir-nos simplesmente na prática do bem!”
As frases acima reproduzem fielmente uma das facetas da mentalidade moderna, a qual se esforça por provar que o homem leigo (sem religião) pode ser tão honesto quanto o seu companheiro religioso, ou mesmo mais reto do que este. — A quem assim fala, poder-se-ão propor duas observações: uma, atinente ao conceito de Religião; a outra, concernente à noção de homem reto ou consumado. É o que vamos fazer...
41 #REVISTA = 509 
relíquias = 21 
santos = 8 
veneração = 8 
santa = 8 
cruz = 8 
fiéis = 6 
igreja = 6 
basílica = 6 
santo = 6 
fragmento = 5 
PeRDoutrina O Culto das Relíquias (0.73) Estêvão Bettencourt 1845
#121 Novembro 2004, 01 [509, novembro 2004, relíquias, culto, idolatria, adoração, veneração]

O culto das relíquias (que não é adoração, mas veneração) brota espontaneamente dos sentimentos humanos. Toda família respeita os despojos mortais e os pertences de seus ancestrais. Como se compreende, houve enganos e abusos no tocante às relíquias, a Igreja os coíbe.
42 #REVISTA = 8 
deus = 19 
razão = 16 
homem = 16 
mistérios = 15 
mistério = 11 
monoteísmo = 10 
autoridade = 10 
cristo = 10 
trindade = 10 
humana = 8 
PeRDoutrina Fé, Dogma e Mentalidade Moderna (1.03) Estêvão Bettencourt 1829
#2404 Agosto 1958, 15 [008, agosto 1958, fé, dogma, revelação, razão, raciocínio, verdade, mistério, trindade]

A.C.V. (Belo Horizonte): “Que é a fé? Por que há mistérios e dogmas de fé? Não derrogam à razão e à dignidade do homem?”
43 #REVISTA = 12 
eucaristia = 16 
comunhão = 13 
sacramento = 9 
efeitos = 8 
alma = 6 
recepção = 6 
fiéis = 6 
alimento = 5 
vida = 5 
produz = 5 
PeRDoutrina Oferecer a S. Comunhão por Outra Pessoa? (1.05) Estêvão Bettencourt 1824
#2483 Dezembro 1958, 15 [012, dezembro 1958, Eucaristia, comunhão, sacramento]

E. S. T. (Rio de Janeiro): “Não raro os fiéis dizem que oferecerão a S. Comunhão por outra pessoa, viva ou defunta. Como se entende isso?”
44 #REVISTA = 26 
corpo = 44 
alma = 42 
homem = 15 
reencarnação = 15 
ressurreição = 15 
alma corpo = 13 
deus = 12 
humana = 8 
doutrina = 8 
morte = 7 
PeRDoutrina Reencarnação e ressurreição não são a mesma c.. (1.07) Estêvão Bettencourt 1821
#2564 Fevereiro 1960, 15 [026, fevereiro 1960, ressurreição, reencarnação, corpo, alma, matéria, forma]

Legionário (RJ): «Em última análise, não se pode dizer que reencarnação e ressurreição são a mesma coisa ?»
45 #REVISTA = 53 
pecados = 29 
confissão = 22 
sacramento = 20 
pecado = 16 
sacramental = 15 
absolvição = 12 
faltas = 12 
pena = 11 
contrição = 11 
veniais = 10 
PeRDoutrina Confissão de Pecados já Absolvidos (1.34) Estêvão Bettencourt 1817
#3014 Maio 1962, 15 [053, maio 1962, pecados, confissão, sacramento reconciliação]

DEODORO (SP): «Por que, na confissão sacramental, são acusados pecados veniais (e, às vezes, só pecados veniais), se estes não constituem matéria necessária do sacramento? E por que se recomenda que o penitente acuse pecados já acusados e absolvidos em confissões anteriores? Deus não perdoa de uma só vez?»
46 #REVISTA = 23 
cristo = 18 
definição = 17 
pontífice = 16 
deus = 15 
igreja = 15 
papa = 13 
divina = 12 
denziger = 11 
sentença = 11 
humana = 11 
PeRDoutrina Os Dogmas, os Papas e a História (1.04) Estêvão Bettencourt 1787
#2525 Novembro 1959, 15 [023, novembro 1959, dogmas, papas, infalibilidade, definição papal, Igreja]

Estudioso (RJ): “Seria possível traçar uma lista dos dogmas definidos pelos Papas no decorrer dos séculos ?” A questão é assaz oportuna, pois exprime uma idéia que muitas vezes aflora ao espírito de quem ouve falar de definições papais: não poucos têm a impressão de que os católicos caminham a toques de autoridade, e de autoridade arbitrária... Estudaremos, portanto, o assunto, analisando primeiramente o significado de uma definição pontifícia e, a seguir, focalizando as definições papais que os documentos da história nos deixaram consignadas.
47 #REVISTA = -4 
deus = 13 
verdade = 5 
inteligência = 5 
senhor = 4 
homem = 4 
vontade = 4 
pedro = 4 
verdades = 3 
personalidade = 3 
razão = 3 
PeRDoutrina Como Ter Fé? (0.97) Estêvão Bettencourt 1779
#2263 Setembro 1957, 15 [-004, setembro 1957, fé, medo, entrega, razão, vontade]

I. M. H. (Rio de Janeiro): “Se a fé é um dom, porque algumas pessoas não a tem, dizendo desejá-la tanto?”
48 #REVISTA = 32 
deus = 37 
graça = 32 
perseverança = 22 
final = 20 
perseverança final = 20 
salvação = 19 
senhor = 18 
morte = 18 
mérito = 16 
homem = 14 
PeRDoutrina Certeza da Salvação Eterna? (1.07) Estêvão Bettencourt 1739
#2667 Agosto 1960, 15 [032, agosto 1960, salvação, justiça, misericórdia]

A. F. P. (Belo Horizonte): «Poderei estar certo da minha salvação eterna? Terei a graça de uma boa morte e da perseverança final?»
49 #REVISTA = -1 
deus = 16 
purgatório = 12 
pecado = 6 
criatura = 6 
senhor = 5 
pena = 5 
vida = 5 
outros = 4 
alma = 4 
castigo = 4 
PeRDoutrina Que necessidade há do purgatório? (0.94) Estêvão Bettencourt 1698
#2340 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, escrituras, purgatório, purificação, perdão, pena, dilação]

Em resposta, examinaremos sucessivamente em que consiste o purgatório e quais os fundamentos bíblicos desta doutrina.
50 #REVISTA = 53 
homem = 7 
livre = 5 
pecado = 5 
sacramento = 4 
perfeito = 4 
santos = 4 
sensibilidade = 4 
natureza = 4 
fato = 3 
racional = 3 
PeRDoutrina Os Santos e a Confissão Frequente (1.24) Estêvão Bettencourt 1687
#3015 Maio 1962, 15 [053, maio 1962, santos, confissão, pecados]

CONGREGADO (Curitiba): “As almas mais santas são as que mais assiduamente frequentam o sacramento da Confissão. Pode-se crer que algumas já não cometem pecado leve consciente ou voluntário. Que matéria então têm para acusar tão assiduamente ? Não seria absurda a sua praxe?»
51 #REVISTA = 19 
aparições = 28 
deus = 25 
igreja = 13 
tais = 12 
senhor = 11 
purgatório = 10 
almas = 8 
alma = 8 
aparição = 8 
visões = 8 
PeRDoutrina Os Santos e a Comunicação com os Mortos (0.88) Estêvão Bettencourt 1657
#2088 Julho 1959, 15 [019, julho 1959, santos, mortos, comunicação, espíritos, ressurreição, aparições]

Evangélico de Guapimirim: "Será que os santos aparecem realmente aos homens na terra ? Como se poderia dar isso?"
L. F. S. (Rio de Janeiro): "Poderíamos comunicar-nos com os mortos ?"
52 #REVISTA = -8 
santificante = 4 
graça = 4 
graça santificante = 3 
deus = 2 
antigo = 2 
antigo testamento = 2 
testamento = 2 
almas = 2 
portanto = 1 
almas portanto = 1 
PeRDoutrina A graça santificante no AT (0.75) Estêvão Bettencourt 1654
#984 Março 1957, 15 [-008, março 1957, graça, antigo testamento, AT]

Já existia a graça santificante no Antigo Testamento?
53 #REVISTA = 506 
deus = 13 
josué = 10 
igreja = 9 
moral = 9 
tempestade = 8 
limbo = 5 
estacionamento = 5 
livro = 5 
outra = 5 
duas = 5 
PeRDoutrina Infalibilidade da Igreja e Vida Póstuma (0.70) Estêvão Bettencourt 1646
#574 Agosto 2004, 01 [506, agosto 2004, infalibilidade, igreja, vida póstuma, Josué, Galileu, sol, limbo]

O artigo responde a perguntas recebidas por e-mail, versando sobre aspectos particulares da mensagem cristã: infalibilidade da Igreja, limbo dos pais, inferno...
54 #REVISTA = -2 
matrimônio = 7 
casos = 5 
igreja = 4 
tenha = 3 
validamente contraído = 3 
contraído = 3 
núpcias = 3 
consentimento = 3 
validamente = 3 
caso = 2 
PeRDoutrina Há casos em que a Igreja permite o divórcio? (0.90) Estêvão Bettencourt 1628
#2307 Novembro 1957, 15 [-002, novembro 1957, divórcio, casamento, matrimônio, nulidade, tribunal eclesiástico]

M.C. (Rio de Janeiro): "Há casos em que a Igreja permite o divórcio?"
55 #REVISTA = 2 
indulgências = 16 
igreja = 11 
anos = 10 
fiéis = 9 
dias = 8 
pena = 7 
praxe = 7 
indulgenciadas = 6 
obras = 6 
absolvição = 5 
PeRDoutrina As Indulgências (0.78) Estêvão Bettencourt 1616
#1428 Fevereiro 1958, 15 [002, fevereiro 1958, culpa, pecado, sentença, pena, purgatório, penitência]

Pergunta: “Queira explicar a origem das Indulgências e a que equivalem os cem dias, os trezentos o sessenta e cinco dias, os sete anos.. . das fórmulas de indulgências”.
56 #REVISTA = 30 
natureza = 33 
homem = 29 
corpo = 26 
humana = 22 
alma = 21 
natureza humana = 16 
cristão = 13 
otimismo = 13 
espírito = 11 
cristã = 11 
PeRDoutrina Espírito e Carne, em Conflito? (0.97) Estêvão Bettencourt 1606
#2628 Junho 1960, 15 [030, junho 1960, espírito, alma, carne, corpo humano, pecado original]

«Otimismo ou pessimismo em relação ao corpo humano ? Condescendência ou austeridade no tocante aos prazeres da carne ? Qual será a genuína atitude do cristão ?»
57 #REVISTA = 547 
deus = 40 
espírito = 11 
cristo = 10 
filhos = 9 
homem = 9 
vida = 9 
graça = 9 
divina = 8 
filiação = 7 
filho = 7 
PeRDoutrina Todos são filhos de Deus? (0.81) Estêvão Bettencourt 1594
#1815 Janeiro 2008, 15 [547, janeiro 2008, filiação natural, filiação sobrenatural, dom criado, dom incriado, virtudes infusas]

Há dois tipos de filiação divina entre as criaturas humanas: a natural e a sobrenatural. A primeira se deriva do fato mesmo de que todos os homens são criados à imagem e semelhança de Deus. A segunda decorre do Batismo e da comunhão de vida mais estrita com as Pessoas divinas. Esta comunhão se faz mediante a graça santificante, que oferece ao homem a ocasião de crescente intimidade com Deus.
58 #REVISTA = 14 
inferno = 30 
deus = 15 
fogo = 13 
lugar = 12 
terra = 12 
purgatório = 11 
réprobos = 10 
corpo = 10 
estados = 10 
corpos = 9 
PeRDoutrina A Topografia do Além (0.81) Estêvão Bettencourt 1580
#1929 Fevereiro 1959, 15 [014, fevereiro 1959, céu, purgatório, limbo, inferno, Jerusalém celeste]

1) "Onde se situam o inferno e o purgatório ?"
2) "Onde estão os corpos de Jesus e Maria, de Henoque e Elias ?"
3) "Haverá céu novo e terra nova no fim dos tempos?"
Essas questões nos levam a conjeturar o que se chama “a topografia da vida póstuma”. Veremos o que comumente se diz sobre o assunto, para depois verificar o que se deve pensar a respeito.
59 #REVISTA = 56 
deus = 12 
adoração = 8 
cruz = 6 
paixão = 3 
amor = 3 
mediante = 3 
cristo = 2 
homenagem = 2 
considerado = 2 
feita = 2 
PeRDoutrina Adoração da Cruz (1.21) Estêvão Bettencourt 1571
#3063 Agosto 1962, 15 [056, agosto 1962, cruz, idolatria, adoração]

SIR BAFAM (SP): «A adoração da cruz na sexta-feira santa não vem a ser homenagem prestada a um pedaço de madeira ou idolatria?»
60 #REVISTA = 385 
santos = 58 
deus = 46 
cristo = 18 
família = 15 
graça = 13 
culto = 11 
nomes = 9 
nome = 9 
santo = 9 
culto santos = 8 
PeRDoutrina O Culto dos Santos (0.63) Estêvão Bettencourt 1565
#229 Junho 1994, 01 [385, junho 1994, santos, comunhão, santidade, culto, mediador]

O Cardeal Godfried Danneels, de Malines-Bruxelas, justifica o culto de veneração aos Santos pelo fato de serem membros da família dos filhos de Deus, à qual pertencemos. Não queremos esquecer os nossos familiares. Por isso, louvamos a Deus por quanto fez em seus Santos (a santidade das criaturas é obra-prima do Redentor) e pedimos aos mesmos que intercedam por nós, como pedimos as orações de nossos amigos na Terra. É preciso, porém, não absolutizar os Santos: toda a sua grandeza é relativa à de Cristo, é reflexo da santidade e da graça do Salvador. — A vocação à santidade é comum a todos os cristãos. Os Santos se fizeram a partir da mesma massa que a dos demais homens, o segredo de sua santidade está em não resistir ao Espírito Santo ou em permitir a ação da graça em suas almas. O Santo é um botão de flor que desabrochou plenamente, porque a ação da seiva (graça) nesse botão não encontrou obstáculo.
61 #REVISTA = 34 
mortos = 12 
paulo = 8 
praxe = 8 
defuntos = 8 
batismo = 7 
apóstolo = 7 
favor = 7 
cristo = 4 
ressurreição = 4 
sentença = 4 
PeRDoutrina O batismo em favor dos mortos (0.96) Estêvão Bettencourt 1542
#2691 Outubro 1960, 15 [034, outubro 1960, batismo, mortos, São Paulo, Corintos, purgatório]

ENGENHEIRO (São Paulo): «Que significa o Batismo em favor dos mortos a que se refere São Paulo em 1 Cor 15,29?»
62 #REVISTA = 29 
deus = 47 
vontade = 36 
homens = 29 
salvação = 19 
senhor = 14 
homem = 12 
antecedente = 10 
cristo = 8 
livre = 8 
vontade antecedente = 8 
PeRDoutrina Salvação ou Condenação? (0.92) Estêvão Bettencourt 1534
#2614 Maio 1960, 15 [029, maio 1960, salvação, condenação]

PENNA (Belo Horizonte): «Se Deus quer que todos os homens se salvem, segundo ensina São Paulo a Timóteo (cf. 1 Tim 2,1-5), como se pode admitir que alguns incorram em condenação eterna?»
63 #REVISTA = 14 
cristo = 40 
igreja = 18 
presença = 10 
jesus = 9 
através = 8 
vida = 7 
senhor = 7 
hoje = 7 
presente = 5 
terra = 5 
PeRDoutrina Aceito Jesus Mas Não Reconheço a Igreja! (0.78) Estêvão Bettencourt 1521
#1920 Fevereiro 1959, 15 [014, fevereiro 1959, protestantismo, Igreja, Cristo, fé, autoridade, evangélicos, presença ontológica]

Evangélico afirma: "A Igreja parece constituir um intermediário supérfluo entre Cristo e os cristãos. Aceito perfeitamente o que Cristo disse e mandou, mas não reconheço o que a Igreja manda!". O que dizer?
64 #REVISTA = 7 
oral = 23 
depósito = 18 
cristo = 15 
tradição = 14 
apóstolos = 11 
igreja = 9 
paulo = 9 
ensinamento = 8 
escritura = 8 
escrito = 7 
PeRDoutrina Em que Consiste a Tradição? (0.77) Estêvão Bettencourt 1493
#1945 Julho 1958, 15 [007, julho 1958, tradição, apóstolos, padres apostólicos, fé, depósito da fé, Igreja, bíblia, palavra oral]

A Igreja Católica admite dois canais pelos quais se transmite o depósito da fé: a Escritura Sagrada e a Tradição divino-apostólica; esta, não necessàriamente consignada em documentos literários, mas sempre transmitida por via oral. A autenticidade deste segundo canal sendo não raro controvertida (tradição, na linguagem cotidiana, significa por vezes lenda ou produto da imaginação), propomo-nos estudar o significado que lhe compete, assim como algumas premissas de história que concorrem para ilustrá-la.
65 #REVISTA = 22 
sacerdócio = 43 
cristo = 39 
deus = 34 
sacrifício = 24 
sacerdote = 23 
fiéis = 22 
povo = 21 
apostolado = 16 
vida = 15 
leigos = 12 
PeRDoutrina O Sacerdócio dos Leigos (0.86) Estêvão Bettencourt 1490
#2510 Outubro 1959, 15 [022, outubro 1959, sacerdócio, leigos, apostolado, sacrifício, papa Bento XVI]

Mateus (Piauí): “Em que sentido se fala de sacerdócio dos leigos ?” “Qual a diferença vigente entre esse sacerdócio e o dos ministros que receberam o sacramento da Ordem ?”
66 #REVISTA = 52 
deus = 40 
visão = 13 
divina = 12 
terra = 12 
vida = 12 
bem-aventurados = 12 
justos = 10 
corpo = 8 
alma = 8 
amor = 8 
PeRDoutrina O que contemplam os justos no céu? (1.09) Estêvão Bettencourt 1487
#3006 Abril 1962, 15 [052, abril 1962, céu, Deus]

Sequioso (Salvador): «Que contemplam os Justos no céu? Terão notícia dos acontecimentos que nos dizem respeito nesta vida? Conhecem as preces que os fiéis lhes dirigem na terra?»
67 #REVISTA = 17 
deus = 17 
inferno = 5 
réprobo = 4 
homem = 4 
você = 4 
permite = 4 
vontade = 4 
sorte = 3 
criaturas = 3 
senhor = 3 
PeRDoutrina Pode Haver Tristeza no Céu? (0.78) Estêvão Bettencourt 1486
#2039 Maio 1959, 15 [017, maio 1959, céu, inferno, Deus]

Leitor Amigo do Rio de Janeiro propõe-nos a objeção de um companheiro concebida nos seguintes termos: "Se há quem sofra eternamente no inferno, como pode existir felicidade no céu?"
68 #REVISTA = 6 
deus = 19 
anjos = 12 
criador = 8 
homens = 8 
existe = 7 
homem = 7 
demônio = 7 
mundo = 6 
demônios = 6 
livre = 6 
PeRDoutrina O demônio existe? (0.83) Estêvão Bettencourt 1485
#2385 Junho 1958, 15 [006, junho 1958, diabo, demônio, anjos, livre arbítrio, escrituras]

J. F. F. (Lorena) e A. M. (Nilópolis): "O Diabo existe realmente ou é mero símbolo da maldade e do ódio? Caso exista, será mesmo Adversário de Deus? O Diabo teria possibilidade de se reabilitar no fim dos séculos?"
69 #REVISTA = 52 
corpos = 24 
corpo = 24 
deus = 15 
ressuscitados = 14 
vida = 12 
alma = 11 
cristo = 10 
corpos ressuscitados = 10 
justos = 9 
idade = 8 
PeRDoutrina Como ressuscitarão os corpos humanos? (1.06) Estêvão Bettencourt 1449
#3005 Abril 1962, 15 [052, abril 1962, morte, ressurreição]

Renato (Curitiba): «Como imaginar os corpos ressuscitados? Conservarão ainda os seus traços característicos ou aparecerão destituídos de notas pessoais, todos reduzidos ao mesmo tipo?»
70 #REVISTA = 3 
deus = 30 
vida = 27 
obras = 22 
eterna = 20 
batistas = 15 
homem = 13 
vida eterna = 13 
graça = 11 
salvação = 11 
coroa = 10 
PeRDoutrina A Teologia dos Batistas (0.71) Estêvão Bettencourt 1361
#1987 Março 1958, 15 [003, março 1958, Batistas, graça, fé, obras, São Tiago, São Paulo, Lutero, Calvino, predestinação]

Nazareth do Rio de Janeiro: “Quais os argumentos bíblicos e teológicos aplicáveis na controvérsia com os batistas, sobre a doutrina da graça? A maneira como concebem a salvação parece bem diferente da católica”.
71 #REVISTA = -3 
cristo = 19 
deus = 18 
maria = 13 
natureza = 13 
humana = 9 
divina = 8 
pessoa = 7 
homens = 7 
homem = 7 
personalidade = 6 
PeRDoutrina Maria, mãe de Deus? (0.75) Estêvão Bettencourt 1355
#2292 Outubro 1957, 15 [-003, outubro 1957, Maria Santíssima, Deus, Cristo, Nestório, Concílio de Éfeso]

Metodista (São Gonçalo): "Como pode Maria, uma criatura, ser Mãe de Deus?"
72 #REVISTA = 58 
igreja = 44 
reforma = 23 
vida = 19 
reformador = 15 
cristo = 14 
deus = 12 
sempre = 12 
espírito = 11 
qualquer = 11 
época = 9 
PeRDoutrina Reformas dentro da Igreja? (1.10) Estêvão Bettencourt 1355
#3114 Outubro 1962, 15 [058, outubro 1962, Igreja, reformas, concílio vaticano II]

AMIGO DEDICADO (RJ): «Diante das novas formas de vida do mundo moderno, fala-se de reformas também dentro da Igreja. O Concílio Ecumênico, dizem, dará normas nesse sentido. Como se podem entender essas reformas, se a Reforma do séc. XVI foi condenada pela Igreja?»
73 #REVISTA = 3 
santos = 21 
deus = 15 
cristo = 13 
maria = 12 
culto = 8 
jesus = 6 
afirmação = 5 
santo = 5 
piedade = 5 
culto santos = 5 
PeRDoutrina Culto dos Santos e Paganismo (0.70) Estêvão Bettencourt 1353
#1985 Março 1958, 15 [003, março 1958, santos, intercessão, veneração, Maria Santíssima, protestantismo, história do cristianismo]

CARMEN (S. João de Meriti): “O culto dos Santos não será paganismo que corrompe o Evangelho? Em particular, a devoção a Maria parece derrocar à excelência de Cristo, o único Mediador entre Deus e os homens (cf. 1Tim 2,5)”
74 #REVISTA = 66 
amor = 18 
deus = 14 
pessoa = 7 
contrição = 6 
amor apreciativo = 6 
apreciativo = 6 
pecado = 5 
sensível = 5 
natureza = 4 
emoções = 4 
PeRDoutrina Como amar a Deus sobre todas as coisas? (1.42) Estêvão Bettencourt 1342
#3374 Junho 1963, 15 [066, junho 1963, amar, amor afetivo, amor apreciativo, Deus, pecado, presença divina]

CATECÚMENO (RJ): «Como amar a Deus sobre todas as coisas? Sinto muito maior comoção ao pensar em meus pais e amigos do que ao pensar em Deus. Por isto também me parece que não tenho contrição dos pecados; nada sinto ao recordar-me deles».
Ver comentários...
75 #REVISTA = -3 
deus = 35 
pecado = 29 
homem = 15 
moral = 7 
consciência = 7 
amor = 7 
humana = 7 
culpa = 6 
primeiro = 6 
noção = 6 
PeRDoutrina Deus pode ser ofendido? (0.73) Estêvão Bettencourt 1335
#2288 Outubro 1957, 15 [-003, outubro 1957, Deus, pecado, moral, consciência]

Nelândia (Belo Horizonte): "Dada a transcendência de Deus, qual o sentido da expressão ofensa a Deus?"
76 #REVISTA = 31 
deus = 18 
homens = 11 
evangelho = 8 
senhor = 7 
milagres = 7 
meios = 7 
homem = 6 
cristo = 6 
jesus = 6 
salvação = 6 
PeRDoutrina Por que o Silêncio de Deus? (0.81) Estêvão Bettencourt 1330
#2649 Julho 1960, 15 [031, julho 1960, Deus, fé, salvação, milagres, ressurreição]

"Não seria muito melhor que Deus se dignasse aparecer aos incrédulos e os advertisse de que somente o Cristianismo é o Caminho e a Verdade? Não poria fim às dúvidas e ao pecado, tirando tantos homens da crise religiosa em que se acham?"
77 #REVISTA = 12 
contra = 18 
espírito = 16 
pecado = 13 
deus = 13 
contra espírito = 11 
santo = 10 
espírito santo = 10 
pecado contra = 9 
homem = 8 
jesus = 5 
PeRDoutrina Que é o Pecado Contra o Espírito Santo? (0.76) Estêvão Bettencourt 1323
#2481 Dezembro 1958, 15 [012, dezembro 1958, Espírito Santo, pecado, perdão, blasfêmia]

Prado (Rio de Janeiro): “Em que consiste o pecado contra o Espírito Santo, que Jesus diz ser irremissível ?”
78 #REVISTA = 15 
deus = 24 
homem = 13 
sofrimento = 11 
senhor = 11 
cruz = 9 
alma = 8 
cristo = 8 
vida = 8 
criatura = 6 
possa = 6 
PeRDoutrina Onde está a Justiça de Deus? (0.68) Estêvão Bettencourt 1318
#1961 Março 1959, 15 [015, março 1959, sofrimento, dor, redenção, pecado, Jó, Jeremias]

Os bons são os que mais sofrem. Onde está a justiça de Deus?
"Porque é que as pessoas mais santas são justamente as que mais sofrem, enquanto os maus muitas vezes não conhecem adversidade? Onde está nisso a justiça de Deus?"
A questão acima sempre preocupou as gerações humanas, tomando sua formulação clássica no problema dito "do Justo aflito ou padecente"...
79 #REVISTA = -2 
judas = 14 
deus = 9 
homem = 7 
liberdade = 6 
jesus = 4 
pecado = 4 
arbítrio = 4 
humano = 3 
gênero humano = 3 
gênero = 3 
PeRDoutrina A liberdade não consente o mal? (0.73) Estêvão Bettencourt 1318
#2320 Novembro 1957, 15 [-002, novembro 1957, livre arbítrio, predestinação, Judas, iniquidade]

MSNA (Recife): "Se era necessário que Cristo fosse traído para se cumprirem as Escrituras, como se explica que Judas tenha sido condenado, pois Jesus disse: "Melhor lhe fora que não houvesse nascido" (Mt. 26,24)?»
M.C. (Rio de Janeiro): "Se Deus vê todas as coisas, vê que vou fazer o mal. Deixa-me, entretanto, a liberdade. Não consente no mal?"
80 #REVISTA = 16 
sacramento = 14 
matrimônio = 12 
virgindade = 11 
estado = 11 
cristo = 10 
cristã = 8 
sinal = 8 
graça = 8 
virginal = 6 
efeito = 6 
PeRDoutrina Virgindade e Matrimônio (0.69) Estêvão Bettencourt 1317
#2010 Abril 1959, 15 [016, abril 1959, casamento, matrimônio, virgindade, sacramentos]

S. F. de Campina Grande: “Se o estado conjugal é santificado por um sacramento próprio, ao passo que não há sacramento especial para o estado virginal, como se pode dizer que a virgindade é mais digna do que o matrimônio?”
81 #REVISTA = 15 
deus = 12 
consciência = 6 
caso = 5 
nome = 4 
jesus = 4 
batizado = 4 
emanuel = 3 
condenação = 3 
limbo = 3 
batismo = 3 
PeRDoutrina Batismo Inválido e Recém-nascidos (0.68) Estêvão Bettencourt 1316
#1969 Março 1959, 15 [015, março 1959, correspondência, Jesus, Emanuel, batismo, limbo]

1) "Um judeu não batizado e um protestante que, suponhamos, tenha sido invalidamente batizado, poderão alcançar o céu ? Em caso afirmativo, por que os recém-nascidos não batizados vão para o limbo ?"
2) "Que relação há entre o nome Jesus e o vocábulo Emanuel citado pelos profetas como nome do Salvador ?"
82 #REVISTA = 14 
infalibilidade = 37 
igreja = 23 
pontífice = 19 
definição = 12 
papa = 12 
infalibilidade pontifícia = 10 
pontifícia = 10 
roma = 9 
pedro = 9 
concilio = 8 
PeRDoutrina O Papa, Infalível !? (0.67) Estêvão Bettencourt 1310
#1928 Fevereiro 1959, 15 [014, fevereiro 1959, papado, infalibilidade papal, Concílio Vaticano I, chefe da igreja]

F. F. P. de Belo Horizonte pergunta: “Não será absurdo afirmar, como fazem os católicos, que o Papa é infalível?” As dificuldades de se admitir a proposição acima provêm, em parte, da falsa noção de infalibilidade pontifícia. Por isto, em primeiro lugar apresentaremos o autêntico conceito de infalibilidade papal; a seguir, examinaremos os fundamentos deste dogma na Revelação...
83 #REVISTA = -1 
adão = 17 
pecado = 13 
natureza = 11 
deus = 7 
homem = 7 
vontade = 7 
primeiro = 7 
gênero = 6 
humano = 6 
gênero humano = 6 
PeRDoutrina Por que a culpa original passa para todos? (0.72) Estêvão Bettencourt 1298
#2347 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, pecado original, Adão]

Guimarães (Altinópolis, S. P.): "Como se explica que a culpa original passe para todo homem?"
84 #REVISTA = 508 
deus = 24 
homem = 12 
bíblia = 10 
verdade = 10 
cristianismo = 8 
cristo = 8 
religiosa = 7 
monoteísmo = 7 
mundo = 7 
mensagem = 7 
PeRDoutrina Onde Está a Verdade? (0.65) Estêvão Bettencourt 1295
#1767 Outubro 2004, 15 [508, outubro 2004, verdade, liberdade, judaísmo, islamismo, panteísmo, budismo, cristianismo, contradições, Bíblia, monoteísmo, politeísmo]

A verdade religiosa só pode ser encontrada no monoteísmo que, cultivado pelo judaísmo, chega a sua plenitude em Jesus Cristo, o Messias prometido a Abraão; o islamismo é uma forma de monoteísmo, em parte derivada das anteriores, mas avessa à lei natural, permitindo a poligamia e favorecendo a "guerra santa". As aparentes contradições da Bíblia se resolvem desde que se leve em conta o expressionismo dos antigos semitas.
85 #REVISTA = 41 
deus = 38 
providência = 35 
divina = 20 
homem = 20 
providência divina = 17 
mundo = 17 
humana = 16 
bens = 15 
vida = 12 
natureza = 10 
PeRDoutrina Providência divina e desgraça humana (0.83) Estêvão Bettencourt 1292
#2801 Maio 1961, 15 [041, maio 1961, providência divina, mal, salvação, mundo]

MÃE DE AVIADOR (Rio de Janeiro): «Como se conciliam a Providência Divina e a existência de tanta desgraça no mundo? Meu bom filho morreu em trágico desastre. Não terá Deus errado, ao permitir isso?» CONTURBADO (Niterói): «Dizia-me um amigo: 'Não perca seu tempo, procurando saber quais são os pretensos desígnios da Providência; procure, antes, dar execução às suas providências. Não confie na moral do 'Deus é grande', pois sabemos que Ele é infinitamente grande, mas que isto não impede sejam infinitamente inflexíveis as leis que regem o universo'. Desejo, em consequência, saber como se relacionam a Providência e as leis fixas do universo».
86 #REVISTA = 54 
fidel = 8 
excomunhão = 6 
castro = 6 
cuba = 5 
situação = 4 
igreja = 4 
santa = 4 
fidel castro = 4 
governo = 3 
hoje = 3 
PeRDoutrina Fidel Castro e Peron, excomungados? (0.97) Estêvão Bettencourt 1288
#3035 Junho 1962, 15 [054, junho 1962, excomunhão, direito canônico, Igreja, história]

Democrata (SP): «Afinal de contas, Fidel Castro está ou não está excomungado? E qual a situação religiosa do ex-presidente Perón, da Argentina?»
87 #REVISTA = 40 
deus = 36 
hebr = 11 
sagrado = 11 
pecador = 10 
senhor = 9 
pecado = 9 
vida = 9 
cristo = 9 
hagiógrafo = 9 
caso = 8 
PeRDoutrina Há pecados irremissíveis? (0.82) Estêvão Bettencourt 1282
#2787 Abril 1961, 15 [040, abril 1961, pecado, perdão, epístola, hebreus, Espírito Santo]

TIBI (Rio de Janeiro): «Que dizer dos textos da epístola aos Hebreus (6,4-6; 10,26-31; 12,16s) que parecem denegar todo perdão a certos pecadores? Não haverá realmente culpas tão graves que Deus não as queira mais perdoar?»
88 #REVISTA = 3 
missa = 23 
cristo = 13 
igreja = 12 
frutos = 10 
fiéis = 8 
sacrifício = 7 
intenção = 7 
graças = 6 
cada = 5 
cristãos = 5 
PeRDoutrina Muitas Missas por uma Intenção? (0.64) Estêvão Bettencourt 1228
#1983 Março 1958, 15 [003, março 1958, missa, Eucaristia, intenções, orações, sacerdócio, frutos da Missa]

Osvaldo, de Lorena, pergunta: “Se a Missa tem valor infinito, por que se celebra mais de uma Missa por determinada intenção?”
89 #REVISTA = 21 
sangue = 6 
comunhão = 4 
corpo = 4 
cristo = 4 
cálice = 4 
fiéis = 3 
igreja = 3 
missa = 3 
senhor = 3 
duas espécies = 3 
PeRDoutrina Comunhão sob as duas Espécies (0.65) Estêvão Bettencourt 1214
#2143 Setembro 1959, 15 [021, setembro 1959, Eucaristia, pão, vinho, Missa, cálice]

A. Leme (S. Paulo), L. Filippe (Campinas), M. Feijó (S. André): Os amigos perguntam porque a Sta. Igreja não distribui aos fiéis a Comunhão sob as duas espécies.
90 #REVISTA = 15 
culto = 32 
deus = 26 
homem = 17 
religião = 16 
espírito = 15 
cristão = 10 
vida = 10 
alma = 9 
fermento = 8 
antigo = 8 
PeRDoutrina Como se Justifica o Aparato Externo do Culto .. (0.63) Estêvão Bettencourt 1213
#1965 Março 1959, 15 [015, março 1959, ritual, culto, corpo, espírito]

Quirino (Bauru) E Camus (Poços de Caldas) perguntam: “Se Deus é espírito e aqueles que O adoram, em espírito e verdade O devem adorar (cf. Jo 4,24), como se justifica o aparato externo do culto católico? Não haverá nisto corrupção do Evangelho por intrusão de práticas pagãs?”
91 #REVISTA = -2 
matrimônio = 12 
divórcio = 11 
homem = 7 
igreja = 6 
cristão = 6 
cristo = 5 
casos = 5 
cônjuges = 5 
função = 5 
qualquer = 4 
PeRDoutrina Posso ser divorcista e católico? (0.67) Estêvão Bettencourt 1210
#2306 Novembro 1957, 15 [-002, novembro 1957, divórcio, casamento, matrimônio, sacramento]

EVA (Rio de Janeiro): "Sou a favor do divórcio e queria saber se é possível ser divorcista e católica".
92 #REVISTA = 36 
deus = 61 
pecado = 29 
criatura = 24 
causa = 13 
homem = 13 
vontade = 10 
divina = 10 
algo = 9 
mesma = 9 
possibilidade = 8 
PeRDoutrina Deus, causa do pecado? (0.75) Estêvão Bettencourt 1197
#2711 Dezembro 1960, 15 [036, dezembro 1960, pecado, Deus, criatura, filosofia, livre arbítrio, negação]

MACHADO (Vitória): “Pode-se crer que Deus não tenha culpa alguma nos pecados que os homens cometem?”
93 #REVISTA = 28 
virgem = 7 
pecado = 5 
salette = 4 
maria = 4 
deus = 3 
repúdio = 3 
repele = 2 
personalidade = 2 
mensagem = 2 
pranto = 2 
PeRDoutrina Maria Santíssima chora e sofre? (0.71) Estêvão Bettencourt 1178
#2610 Abril 1960, 15 [028, abril 1960, Maria Santíssima, sofrimento, céu, aparições, La Salette]

GENTIL (Porto Alegre): “Qual o sentido teológico da mensagem de Nossa Senhora em La Salette? Como pode a Virgem bem-aventurada aparecer sofrendo e chorando ?”
94 #REVISTA = 51 
demônio = 25 
deus = 14 
homem = 14 
pecado = 13 
tentações = 12 
cada = 11 
homens = 11 
concupiscência = 9 
vontade = 9 
mundo = 9 
PeRDoutrina As tentações veem do demônio ou de doenças? (0.85) Estêvão Bettencourt 1174
#2991 Março 1962, 15 [051, março 1962, demônio, mundo, concupisciência, doença, pecado]

ESTUDANTE (Campinas): «Médicos e psicólogos ensinam, por vezes, que as causas dos pecados são meramente patológicas. Uma vez restaurada a saúde do delinquente, já não há pecado. Doutro lado, aprendi que as causas dos pecados são as tentações do demônio. Que pensar? Será que, de fato, o demônio tenta? E, em caso positivo, até que ponto poderá seduzir ao pecado?»
95 #REVISTA = -2 
filho = 18 
natureza = 10 
deus = 10 
divina = 9 
pessoa = 7 
geração = 7 
conceber = 6 
espírito = 6 
natureza divina = 5 
comunicação = 5 
PeRDoutrina Pai, Filho e Espírito Santo (0.65) Estêvão Bettencourt 1171
#2304 Novembro 1957, 15 [-002, novembro 1957, Santíssima Trindade, Espírito Santo, geração, criação, natureza divina]

Maria Claudia (Rio de Janeiro): "Como entender a geração do Filho enquanto Deus? As Pessoas da Santíssima Trindade não são incriadas?"
96 #REVISTA = 10 
igreja = 22 
cristo = 13 
vida = 8 
deus = 7 
senhor = 7 
desenvolvimento = 6 
corrupção = 6 
evolução = 6 
corpo = 6 
vivo = 6 
PeRDoutrina Igreja e Tradição (0.66) Estêvão Bettencourt 1165
#2429 Outubro 1958, 17 [10, outubro 1958, igreja, tradição, fé apostólica, infalibilidade]

Pastor (Piauí): “Não terá a Igreja Católica transformado o autêntico Cristianismo em instituição imbuída de doutrinas e práticas não evangélicas ?”
Rui (Rio Grande do Sul): “A Tradição que a Igreja segue juntamente com a Bíblia, não é suscetível de erro e corrupção ?”
97 #REVISTA = 20 
deus = 36 
vida = 32 
fiéis = 27 
cristão = 27 
cristã = 26 
igreja = 25 
renovação = 17 
cristo = 14 
piedade = 13 
homem = 13 
PeRDoutrina Volta às Fontes (0.61) Estêvão Bettencourt 1155
#2103 Agosto 1959, 15 [020, agosto 1959, revelação oral, revelação escrita, tradição, sacramentos, padres da Igreja, praxe religiosa]

DOGMÁTICA A. F. P. de Belo Horizonte: “Em que consiste a volta às fontes, de que tanto se fala na vida cristã moderna? Enquanto uns preconizam mudanças tidas como renovadoras, outros as rejeitam e terceiros não sabem o que há de certo no assunto”.
98 #REVISTA = -1 
poder = 6 
milagres = 5 
fazer = 4 
fazer milagres = 4 
pecados = 4 
apóstolos = 4 
perdoar pecados = 3 
perdoar = 3 
deus = 2 
apostólico = 2 
PeRDoutrina Perdoar Pecados e Fazer Milagres (0.63) Estêvão Bettencourt 1144
#2342 Dezembro 1957, 15 [-001, dezembro 1957, pentecostes, milagres, perdoar pecados]

Joaquim Noronha (Salvador): "Se os padres têm o poder apostólico de perdoar os pecados, por que não têm também o poder apostólico de fazer milagres?"
99 #REVISTA = 57 
igreja = 28 
cristãos = 25 
cristo = 24 
deus = 16 
católicos = 15 
união = 15 
irmãos = 13 
nossos = 13 
fiéis = 12 
oitava = 12 
PeRDoutrina A União dos Cristãos (0.88) Estêvão Bettencourt 1119
#3083 Setembro 1962, 15 [057, setembro de 1962, ecumenismo, cristianismo, católicos, ortodoxos, protestantes, oração, união]

APÓSTOLO LEIGO (Vitória): «Em nossos dias fala-se muito da união dos cristãos entre si. Que poderiam os fiéis católicos fazer para favorecê-la ?»
100 #REVISTA = 42 
mulher = 38 
mulheres = 22 
varão = 21 
cristo = 21 
senhor = 14 
igreja = 12 
sacerdócio = 11 
escritura = 10 
suécia = 10 
paulo = 10 
PeRDoutrina Promoção de Mulheres ao Sacerdócio (0.72) Estêvão Bettencourt 1115
#2811 Junho 1961, 15 [042, junho 1961, sacerdócio, feminismo, apóstolos, luteranos, Suécia]

GERALDO (RJ): «Na Suécia, o Sínodo Luterano e o Parlamento resolveram promover as mulheres ao sacerdócio (luterano). Este exemplo não merecerá ser imitado em outros países, mesmo entre católicos?»
101 #REVISTA = 30 
missa = 12 
cristo = 7 
sacrifício = 6 
culto = 4 
deus = 4 
vinho = 4 
dinheiro = 3 
esmola = 3 
amor = 3 
cruz = 3 
PeRDoutrina A Missa e a Eucaristia (0.67) Estêvão Bettencourt 1100
#2639 Junho 1960, 15 [030, junho 1960, Missa, Eucaristia, sacrifício da cruz, transubstanciação]

Amigo da Verdade (Jundiaí): O amigo propõe uma série de questões referentes à S. Missa, às quais já foi dada resposta em "PeR." sobre a presença real de Cristo na Eucaristia e transubstanciação.
102 #REVISTA = 16 
juramento = 27 
deus = 19 
jesus = 9 
nome = 7 
senhor = 7 
vista = 5 
verdade = 5 
evangelho = 5 
veracidade = 4 
deve = 4 
PeRDoutrina É Lícito Jurar? (0.57) Estêvão Bettencourt 1091
#2016 Abril 1959, 15 [016, abril 1959, jurar, juramento]

Jota Fonseca, da Bahia:: “Em vista das palavras de Jesus em Mt 5,33-37 e de S. Tiago em Tg 5, 12, será lícito a um cristão jurar?”
103 #REVISTA = 65 
igreja = 26 
verdade = 11 
trento = 11 
após = 10 
concilio = 10 
vida = 9 
catolicismo = 9 
concilio trento = 8 
aspecto = 8 
época = 8 
PeRDoutrina O Concílio de Trento (1.10) Estêvão Bettencourt 1073
#3345 Maio 1963, 15 [065, maio 1963, protestantismo, Igreja, reforma, catolicismo]

AARÃO (SP): «O Concilio de Trento não terá alterado o Cristianismo, criando barreiras para a união de católicos e protestantes ?»
104 #REVISTA = 21 
homens = 18 
mundo = 16 
homem = 14 
história = 13 
2000 = 12 
senhor = 10 
deus = 10 
cristo = 9 
novo = 9 
jesus = 8 
PeRDoutrina Juízo Final, Predições e Onisciência Divina (0.57) Estêvão Bettencourt 1071
#2135 Setembro 1959, 15 [021, setembro 1959, profecias, juízo final, fim do mundo, adventistas, testemunhas de Jeová]

Amigo das Profecias (Rio de Janeiro): “Que fundamento têm as predições de catástrofe e renovação do mundo nas imediações do próximo ano 2000? Estarão baseadas na S. Escritura ou em alguma documentação fidedigna ?”
I. B. H. de Belo Horizonte: “Como pôde Jesus declarar que ignorava a data do juízo final (cf. Mc 13,32) ? Não possuía Ele a onisciência divina?”
105 #REVISTA = 57 
civil = 15 
igreja = 14 
matrimônio = 13 
grécia = 12 
religião = 12 
católica = 11 
casamento = 10 
estado = 10 
juan = 9 
cristã = 8 
PeRDoutrina Dois Casamentos Religiosos para Príncipes (0.84) Estêvão Bettencourt 1065
#3084 Setembro 1962, 15 [057, setembro 1962, matrimônio, ortodoxos, casamento misto]

E. B. (Porto Alegre): “Como se explica que o príncipe Don Juan Carlos da Espanha se tenha casado com a princesa Dona Sofia da Grécia, realizando dois ritos: um na Igreja Católica, e o outro no templo ortodoxo cismático ? A Igreja terá permitido ao príncipe católico o matrimônio em uma denominação religiosa não católica ?»
106 #REVISTA = 49 
social = 18 
estado = 17 
propriedade = 16 
particular = 15 
humana = 13 
direito = 13 
encíclica = 13 
trabalho = 12 
propriedade particular = 12 
vida = 11 
PeRDoutrina Socialização na Enc. Mater et Magistra (0.75) Estêvão Bettencourt 1058
#2966 Janeiro 1962, 15 [049, janeiro 1962, Papa João XXIII, socialização, socialismo, marxismo, propriedade]

Luna (Campina Grande,): “Que quer dizer a socialização da qual fala o Papa João XXIII na sua encíclica 'Mater et Magistra' ? Não equivale a um passo da Igreja em direção do socialismo? Como a encíclica concebe as relações entre indivíduo e sociedade?... entre propriedade particular e propriedade pública?... entre patrões e operários?»
107 #REVISTA = 55 
igreja = 35 
verdade = 29 
vista = 11 
intransigência = 10 
amor = 10 
qualquer = 9 
religiosa = 8 
caso = 7 
homens = 7 
cristo = 7 
PeRDoutrina Intransigência da Igreja (0.79) Estêvão Bettencourt 1052
#3046 Julho 1962, 15 [055, julho 1982, Igreja, doutrina, pecado]

Jovem Ardoroso (BH): «A Igreja é intransigente e dura em certos pontos. Isto escandaliza, pois estamos numa época em que é preciso remover todo fanatismo e tornar-nos largos e compreensivos.»
108 #REVISTA = 33 
deus = 41 
mística = 23 
alma = 16 
vida = 15 
cristão = 14 
experiência = 14 
espírito = 12 
santo = 11 
dons = 10 
modo = 10 
PeRDoutrina Mística Não Cristã (0.64) Estêvão Bettencourt 1040
#2682 Setembro 1960, 15 [033, setembro 1960, mística, islamismo, cristianismo, salvação, Deus, dons, Espírito Santo]

ESCOLÁSTICA (Uberaba): «Que é a Mística? Será possível haver vida mística fora do Cristianismo?»
109 #REVISTA = 32 
celibato = 5 
latim = 4 
deus = 4 
virtude = 3 
vida = 3 
grandeza = 2 
língua = 2 
histórico = 2 
culto = 2 
humildade = 2 
PeRDoutrina Virtudes, Celibato e Latim (0.64) Estêvão Bettencourt 1035
#2670 Agosto 1960, 15 [032, agosto 1960, virtudes, celibato, latim]

É difícil instituir comparação entre as virtudes. Cada qual tem sua grandeza e seu brilho peculiares; em última análise, todas são solidárias entre si...
110 #REVISTA = 30 
doença = 22 
corpo = 17 
saúde = 11 
cristão = 10 
homem = 10 
alma = 8 
deus = 8 
vida = 7 
natural = 6 
estado = 6 
PeRDoutrina Saúde e Doença (0.60) Estêvão Bettencourt 994
#2631 Junho 1960, 15 [030, junho 1960, doença, redenção, saúde, higiene]

ARIEL (RJ): «Como estima o cristão higiene e doença? Há quem tenha a higiene na conta de expressão de apego demasiado ao corpo! Há, ao contrário, quem considere a doença como um desastre na vida!»
111 #REVISTA = 37 
deus = 25 
criaturas = 8 
criatura = 6 
natureza = 6 
inferno = 6 
senhor = 6 
verdade = 5 
corpo = 5 
entidade = 4 
causa = 4 
PeRDoutrina Por que existe o mal? (0.63) Estêvão Bettencourt 993
#2742 Janeiro 1961, 15 [037, janeiro 1961, mal, bem, Deus, castigo]

MUITOS LEITORES: As perguntas referentes à existência do mal no mundo são constantes. A fim de evitar repetições, propomos aqui a lista dos artigos de "P. R." que tratam da questão acrescentando uma breve reflexão sobre os pontos habitualmente mal compreendidos.
112 #REVISTA = 39 
igreja = 81 
cristo = 54 
deus = 42 
jesus = 16 
cada = 14 
cristão = 11 
homem = 10 
igreja cristo = 10 
senhor = 10 
corpo = 10 
PeRDoutrina Ótimo cristão e péssimo católico? (0.61) Estêvão Bettencourt 960
#2770 Março 1961, 15 [039, março 1961, Igreja, cristianismo]

OBSERVADOR (Belo Horizonte): «Por que dizem que, para ser cristão, é preciso pertencer à Igreja Católica Apostólica Romana? Não pode haver ótimos cristãos que sejam péssimos católicos ou que nem sequer sejam católicos?»
113 #REVISTA = 59 
deus = 25 
milagre = 12 
igreja = 12 
vida = 11 
cristã = 9 
milagres = 9 
homens = 9 
vida cristã = 8 
tais = 8 
fenômenos = 7 
PeRDoutrina O significado dos genuínos milagres (0.79) Estêvão Bettencourt 954
#3131 Novembro 1962, 15 [059, novembro 1962, milagres, sinal, fenômenos]

MARAVILHADO (RJ): «Qual o sentido dos fenômenos maravilhosos ou dos milagres na vida cristã?»
Todo genuíno milagre é Palavra de Deus que se dirige aos homens em circunstâncias fora do comum, a fim de corroborar a Palavra que se dirige nas circunstâncias comuns, através da Igreja e dos sacramentos. Deslocado deste contexto ou sem esta finalidade, o milagre não teria cabimento, pois Deus não faz portentos apenas para ostentar a sua Onipotência.
114 #REVISTA = 32 
criatura = 10 
natureza = 10 
deus = 9 
criador = 8 
mesma = 7 
inteligência = 6 
fato = 6 
flores = 6 
cada = 5 
contra = 5 
PeRDoutrina A natureza não depõe contra Deus? (0.57) Estêvão Bettencourt 922
#2664 Agosto 1960, 15 [032, agosto 1960, natureza, criação, mal, bem]

P. N. (Mariana): «As falhas da natureza (a doença, os seres defeituosos e monstruosos, a própria morte) não depõem contra a existência de Deus ou ao menos contra a sabedoria e a bondade do Criador?»